• Assinantes
  • Autenticação
  • Animais
    Daniele Milione Daniele Milione 22/08/2015

    Primeiros cuidados com os animais de estimação

    caoOlá internautas, essa é a minha primeira coluna no Portal ACESSA.com. Meu objetivo é ajudar as pessoas que têm o sonho de adquirir o primeiro animalzinho de estimação e orientar sobre os cuidados com esses lindos seres. Para muitos é apenas mais um animal, porém, eles podem ser tornar verdadeiros amigos e companheiros de todas as horas. Contudo, para que eles não sejam um fardo nas nossas vidas, vou passar algumas dicas essenciais.

    Primeiramente, devemos nos perguntar se temos tempo suficiente para dedicar a estes “seres” tão adoráveis e companheiros. Caso a resposta seja afirmativa, temos que lembrar que os mesmos precisam de espaço e, claro, proporcional a cada raça. Veja alguns exemplos a seguir:

    Dog Alemão: cão gentil, terno, manso, sensível e afetuoso. Mede cerca de 72 a 80 cm e pode pesar de 50 a 70 quilos. Tem aptidão para guarda e companhia. É um cão esportivo, precisa de espaço e de exercícios. Pode viver em apartamentos, se puder se beneficiar de saídas diárias para se exercitar frequentemente.

    Shih Tzu: calmo e alegre, mede cerca de 26 cm e pesa de 4,5 a 8 quilos. É ideal para companhia e guarda, tem pelagem longa e necessita, constantemente, de ser levado a um pet shop, para ser devidamente lavado, hidratado e escovado. Não é um animal para ser criado em quintal e ficar exposto ao tempo.

    Por isso, é preciso escolher bem o novo amiguinho pelas características do lugar onde moramos, além disso, devemos pensar nos nossos hábitos diários e a finalidade do animalzinho no nosso lar.

    Outra questão importantíssima é o custo do animal, que precisará de ração de boa qualidade, assistência veterinária entre os 45 e 60 dias de nascidos, para que se inicie o programa de vacinação, que deve ser seguido mensalmente por três meses consecutivos, sendo uma dose da múltipla (também chamada de “óctupla” ou “déctupla”em cãezinhos e a “quádrupla” em gatinhos); a antirrábica, apenas após o quarto mês de vida coincidindo com a terceira e última dose. Lembrando que essas doses são necessárias para que seu amigo fique livre das doenças que os acometem e podem levar a óbito. Isso sem contar que nossos amáveis cãezinhos e gatinhos precisam de assistência veterinária ao longo de suas vidas, pois ao contrário do que se acha, eles sentem dor e podem adoecer assim como nós.

    Por último preciso lembrar que hoje a expectativa de vida destes tão adoráveis seres está entre 12 a 16 anos, podendo se estender a 20 anos.


    Daniele Ferreira Milione é médica Veterinária. Graduada na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2005). Pós Graduada pelo Quallitas : (2009 em Clínica e Cirurgia de Pequenos Animais) e Univiçosa (2013 em Cirurgia de Pequenos Animais)

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.