Segunda-feira, 7 de janeiro de 2019, atualizada às 17h10

Conselho Municipal cadastra resgatadores de animais abandonados de JF

Da redação

Nesta segunda-feira, 7 de janeiro, o Conselho Municipal de Proteção Animal (Compa), da Câmara Municipal, inicia cadastro voltado para protetores que resgatam animais abandonados e ficam de lar temporário até a adoção do animal, em Juiz de Fora. A ação prossegue até a sexta-feira, 11. Os resgatadores independentes devem se dirigir à sala do Compa, na Casa dos Conselhos, na Rua Halfeld, 450, 7° andar, das 8h às 12h e das 14h às 17h, com cópias do CPF, RG e comprovante de residência.

O cadastro abordará questões como: de quantos animais os resgatadores cuidam, se estão vacinados e castrados e quais as maiores necessidades. Conhecendo melhor os desafios, o conselho poderá estudar e desenvolver soluções para estes voluntários.

De acordo com o presidente do Compa, Marlon Siqueira, os protetores independentes são de extrema importância para a causa animal, pois “resgatam, cuidam, dão lar temporário, doam seu tempo e recursos pessoais cuidando dos animais e, por isso, merecem e precisam de apoio".

Marlon explica que a intenção de criar o conselho foi pela necessidade de existir "um braço do poder público e da sociedade civil organizada no auxílio aos protetores e resgatadores, com a criação do Fundo Municipal de Proteção Animal, sob gestão do conselho, para que sejam votadas formas justas e transparentes do apoio”.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.