• Assinantes
  • Autenticação
  • Casa

    Varandas ganham nova funcionalidade Além da função técnica de proteção, o espaço externo
    se tornou um ambiente de lazer

    Renata Solano
    *Colaboração
    27/05/2008

    Tecnicamente falando, a varanda atende uma necessidade de conforto térmico da casa, pois serve de anteparo para as intempéries climáticas e, portanto para evitar que o sol e a chuva incidam diretamente dentro da residência. "Mas com o passar dos anos a varanda se tornou um ambiente muito requisitado como um espaço de estar da casa", comenta a arquiteta Aline Andrade Cruz.

    Muitas vezes a varanda representa uma extensão da sala de estar, como vemos nesses lançamentos imobiliários em que a área externa se torna um local de lazer e de encontro da família por causa das maiores dimensões e da instalação de churrasqueiras, fogões à lenha ou mesmo fornos para pizza, por exemplo.

    Segundo Aline, a varanda ultrapassa os limites da sala de estar. "Trata-se de um espaço multi-uso com diferentes funções, desde tomar sol pela manhã, almoçar à luz do dia, receber amigos, proteger a residência até ser um local em que o lazer e a funcionalidade se unem", afirma.

    Mobília

    "Como se trata de uma área molhada - chamamos assim porque a varanda pode receber água tanto da chuva quanto na própria lavagem do espaço -, o ideal é usar revestimentos de piso e de parede, que devem ser feitos com materiais resistentes e impermeáveis", define.

    Além disso, os móveis devem seguir o mesmo critério. "A pessoa pode optar por mobílias feitas com fibras naturais, mas precisa sempre tomar cuidado com a manutenção, mas hoje temos peças feita com materiais sintéticos que são muito parecidas com as naturais e que servem muito bem para o ambiente externo".

    Outro cuidado que a arquiteta recomenda ter é com o revestimento das almofadas e sofás que ficam nesta área. "Não é aconselhável o uso de tecidos próprios para interior, mas sim aqueles que aceitam intempéries com mais resistência, como os náuticos", descreve.

    foto de varanda foto de varanda foto de varanda
    O papel das cores

    Aline comenta que não há restrições em relação ao uso das cores nas varandas, mas alerta para a interferência do mau uso em duas situações: iluminação e tamanho do ambiente. "Cores vibrantes ficam muito bem em ambientes abertos e que recebem iluminação. Como, geralmente, as varandas são feitas para receber maior incidência de claridade, elas podem receber cores fortes sem prejudicar o espaço", declara.

    Em relação ao espaço, Aline diz que as cores devem ser escolhidas com cuidado. "Locais pequenos demais com cores fortes e vibrantes dão a sensação de menores ainda, causando um desconforto visual. Por isso, cores claras com detalhes coloridos na decoração são mais consonantes com varandas pequenas. Geralmente, quando usamos o mesmo tom na sala e na varanda, percebemos uma amplitude e uma seqüência do espaço, que parece ficar mais amplo e confortável" , comenta.

    *Renata Solano é estudante de Comunicação Social da UFJF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.