• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Segunda-feira, 18 de janeiro de 2016, atualizada às 16h20

    Defesa Civil atende 42 ocorrências relacionadas as chuvas do final de semana

    foto

    Várias ocorrências relacionadas as fortes chuvas foram registradas neste final de semana em Juiz de Fora, pela Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros. Das 18h de sexta, 15, até as 10h desta segunda-feira, 18 de janeiro, foram atendidas 42 chamados, mas nenhuma grave. Já os bombeiros precisaram cortar sete árvores, nos últimos três dias. Além dos cortes, eles ainda atenderam 11 chamados de vistorias por risco de queda de árvore, quase metade do total de casos deste mês, que soma 27.

    Uma das árvores removidas caiu em cima da fiação da Cemig, na rua Francisco Vaz de Magalhães, no bairro Cascatinha, na madrugada de domingo, 17, deixando parte das residências sem luz. Conforme a assessoria da Companhia de Energia, a queda de energia foi registrada apenas na rua onde houve a queda. A luz foi restabelecida às 15h50 do mesmo dia.

    Na Defesa Civil, a ocorrência de maior risco foi um escorregamento de talude na rua Major Raul Mendonça no bairro Democratas, que atingiu a fundação de um prédio de três andares. Os agentes estiveram no local no sábado, 16, e constatou o risco para a edificação. As famílias, que moram de aluguel, foram orientadas a saírem do prédio até que o proprietário realize o reparo na estrutura. Todas foram para casa de parentes.

    Outra ocorrência relevante foi uma ameaça de escorregamento de talude na rua Urias Fonseca no bairro Santa Rita. A Defesa Civil esteve no local neste domingo, 17, e constatou que existe uma cunha de deslizamento formada. Os moradores foram orientados a colocar uma lona por cima, para evitar que a água infiltre, e estão cientes que pode deslizar a qualquer momento. O local está sinalizado com faixa amarela.

    Ao todo, foram 11 ocorrências na região norte, nove na leste, oito na sul, seis na sudeste, cinco no centro, duas na oeste e uma na nordeste. Entre os registros, houve nove escorregamentos de talude, oito orientações técnicas e cinco ameaças de escorregamento de talude.

    Chuvas

    Nesse período, os pluviômetros da Defesa Civil registram 58,49 milímetros de chuva, sendo que os bairros com maior índice foram Santa Terezinha (102 mm), Nova Era (91,27 mm) e Monte Castelo, (90,47 mm). O Rio Paraibuna subiu 1,6 metros.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.