• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade

    Motoristas e cobradores fazem passeata no Centro contra violência

    Concentração saiu da praça do bairro Manoel Honório e terminou em frente à Câmara

    Envie a sua foto pelo link SUA NOTÍCIA, clique aqui
    4/01/2017

    O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte e Trânsito de Juiz de Fora (Sinttro) realizou, na tarde desta quarta-feira, 4, uma manifestação no centro da cidade. A reivindicação dos motoristas e cobradores é por mais segurança no transporte público, diante da crescente onda de assaltos e agressões dentro dos ônibus nas últimas semanas.

    Por volta das 14h, houve concentração na avenida Rio Branco, na altura do bairro Manoel Honório. De lá, os manifestantes seguiram até a avenida Getúlio Vargas, viraram na Rua Santa Rita e voltaram pela Rio Branco até o Parque Halfeld, onde se reuniram em frente à Câmara Municipal.

    "A segurança no transporte está ruim. Com tanta violência e assaltos, não estamos nos sentindo seguros para trabalhar", declara Wagner Corrêa, presidente do Sinttro. "Já houve até assassinato dentro do ônibus. E não estamos pedindo segurança só para nós; é para o usuário do transporte também", afirma. No dia 26 de dezembro, um motorista foi atingido por pedradas enquanto dirigia pelo bairro Sagrado Coração, na Zona Sul da cidade, durante uma briga de gangues.

    Para o vice-presidente do Sinttro, Claudinei Janeiro, a situação é "caótica". "Antes do Natal, tivemos uma semana com dez assaltos, e o que mais nos impressiona é que foram todos no período diurno", conta. "A medida que nós temos que tomar é aumentar o policiamento, tanto dentro do coletivo quanto nos pontos finais, pra que o funcionário possa trabalhar tranquilo", afirma.

    Na opinião do cobrador Eronildo Ribeiro, a segurança atual no transporte coletivo é zero. "Não existe segurança, é uma palhaçada", reclama. "Nós trabalhamos em condições desumanas. Ocorrem assaltos e mais assaltos, e quem paga por isso no final somos nós."

    Segundo o sindicato, a categoria deve se reunir com as polícias Civil e Militar e setores da Prefeitura na próxima terça-feira, 10 de janeiro, para discutir a questão da segurança dentro dos ônibus.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.