Quinta-feira, 4 de maio de 2017, atualizada às 15h47

UFJF abre chamada pública para coleta de materiais recicláveis

Da redação

Associações e Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis podem se inscrever no processo seletivo da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) para participarem da coleta de materiais descartados pela instituição. O prazo vai até 12 de maio. A documentação necessária deve ser entregue na Central de Atendimento, localizada na Reitoria, e endereçada à Comissão para a Coleta Seletiva Solidária. Todas as informações sobre o processo estão disponíveis na chamada pública.

Podem se inscrever as associações e cooperativas cujos catadores tenham a coleta como única fonte de renda, não possuam fins lucrativos, apresentem infraestrutura para realizar a triagem e a classificação dos materiais coletados e realizem o sistema de rateio entre os associados ou cooperados.

As associações e cooperativas devem contar com um representante legal credenciado, que precisa apresentar cópia de  documento oficial com foto e de um  que o habilite a representar a entidade. O horário de entrega dos documentos necessários, listados no edital, será de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h.

Está prevista visita técnica à associação ou cooperativa para verificar se atende aos requisitos estabelecidos no edital. A lista de entidades aprovadas será divulgada em 16 de maio, no site da UFJF, e o período de interposição de recursos irá até o dia seguinte, 17. O resultado final será publicado dia 18 de maio.

As entidades habilitadas se reunirão com a Comissão de Coleta Seletiva Solidária para definir a operacionalização do trabalho e, no caso, de mais de uma associação ou cooperativa habilitadas, discutir a forma de partilha. Os materiais a serem coletados e reciclados foram divididos em três categorias: Classe 01 – Plásticos, papéis, papelões e metais; Classe 02 – Isopor; e Classe 03 – Embalagens cartonadas tipo longa vida.

A vigência do Termo de Parceria e Compromisso será de seis meses, renovável a cada seis meses, por, no máximo, dois anos.


Com informações da UFJF

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.