Parque da Lajinha recebe projeto de reflorestamento

Envie a sua foto pelo link SUA NOTÍCIA, clique aqui
2/08/2019

Nessa quinta-feira, 1º de agosto, foi lançado, no Parque da Lajinha, o projeto Bosque Ibitipoca Off Road, resultado de parceria firmada entre a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaur), a organização do Ibitipoca Off Road (IOR) e o Instituto Estadual de Florestas (IEF). Para marcar o início do projeto, que simboliza os 30 anos do evento, foi realizado o plantio de nove espécies nativas da Mata Atlântica, com a fixação de placa denominativa no local que foi adotado pelo IOR, correspondente a uma área de 0,5 hectare.

O coordenador do IOR e idealizador do projeto de reflorestamento nesta área do Parque da Lajinha, Manoel Rezende, explicou que esta é uma forma de agradecer à natureza por tudo que ela proporciona durante a realização do rally. Neste primeiro momento, três árvores plantadas já foram identificadas com nomes de pessoas que possuem alguma representatividade no evento: Thannus Lancini, participante de todas as 30 edições do IOR, Emerson Loth, atual campeão master da categoria de motos, e Ângelo Marciano, diretor da Faculdade Suprema, parceira do evento. Foram plantados ipês (rosa, branco e amarelo), murta, quaresmeira, duas mudas de pau-brasil e duas pitangueiras.

A proposta é que o Bosque IOR seja permanente. Em comemoração ao Dia da Árvore, 21 de setembro, será realizado o plantio de 60 espécies também cedidas pelo IEF. As mudas receberão o nome dos campeões das 30 edições do enduro IOR, das principais categorias de motos e carros.

Complementando a comemoração, também em 21 de setembro, será realizado o evento IOR Sustentável, com oficinas de artesanato reciclável, contação de histórias, ações de saúde, palestras interativas, desenvolvido com o apoio de empresas parceiras.

O Parque

Com os seus 880 mil metros quadrados, o Parque da Lajinha abriga uma diversidade de flora e fauna que o transforma em um dos pontos turísticos mais importantes de Juiz de Fora. Fundado em 1983, tem uma estrutura composta por coreto, bondes, quiosques, campo de futebol, viveiro de plantas e atrativos naturais para o lazer, tais como: lago, cachoeiras, trilhas, jardins e uma floresta remanescente de Mata Atlântica.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.