• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura
    Quarta-feira, 10 de dezembro de 2014, atualizada às 16h

    Primeiro Plano começa na segunda-feira com programação inédita

    primeiro

    A 13ª edição do Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades começa na próxima segunda-feira, 15 de dezembro. Com programação totalmente gratuita, o evento leva a Juiz de Fora (MG) filmes inéditos, sessões temáticas, mostras competitivas e oficina até o próximo dia 20.

    "O menino no espelho", do diretor Guilherme Fiúza Zenha, é o longa-metragem de abertura do festival. Rodado em Cataguases (MG), o filme é inspirado no romance homônimo de Fernando Sabino e conta a história de Fernando (Lino Facioli), que ver seu reflexo no espelho ganhar vida própria. A produção traz os atores Mateus Solano e Regiane Alves no papel dos pais do protagonista.

    A noite de abertura traz ainda o curta-metragem juiz-forano "Em tempos de peste, é proibido escarrar nos gatos", dirigido por Cláudia Rangel e João Mateus Cunha. A equipe venceu o Prêmio Incentivo Primeiro em 2013, que concede verba de R$ 7 mil para a realização de uma nova produção.

    A Mostra Competitiva Mercocidades é uma das novidades desta edição. A modalidade que antes era restrita a diretores estreantes brasileiros passa a contemplar também obras vindas de países da América do Sul. Serão 23 curtas-metragens. Já a Competitiva Regional tem 30 produções assinadas por diretores de toda a Zona da Mata. Nos dois casos, as produções são exibidas em duas sessões diárias, sendo uma para cada categoria, de terça a sexta-feira.

    Ao longo de toda a semana, a programação tem espaço dedicado à estreia de longas-metragens. "O lobo atrás da porta", de Fernando Coimbra, com Leandra Leal e Juliano Cazarré no elenco, é um dos destaques. O filme ganhou o prêmio de melhor filme na edição 2013 do Festival de Cinema do Rio. A lista também inclui "A história da eternidade", de Camilo Cavalcante, "Ela volta na quinta", de André Novais Oliveira e o chileno "A valsa dos inúteis", de Edison Cajas.

    Com o tema "Inter-Sessões", o evento propõe um debate sobre o cinema para além de suas formas mais conhecidas. Segundo o coordenador-geral do evento, Aleques Eiterer, o mote é pensá-lo não apenas como uma atração exibida em uma sala escura, por meio de uma tela plana e com uma narrativa clássica.

    "O público pode esperar uma semana com filmes ousados na maneira como trabalham a imagem, provocando o espectador a pensar a forma cinematográfica padrão. Além de debates, exposições e mesas de discussões sobre o tema", comenta.

    Público infantil e oficinas

    O público infantil não fica de fora de programação. A Sessão Infantil traz o longa "O menino e o mundo", de Alê Abreu, em três datas: terça-feira, no Centro Cultural de Benfica, às 10h, e sexta-feira e sábado, no Cinerate Palace, às 15h.

    Seguem abertas as inscrições para a oficina de montagem, ministrada pelo professor Rodrigo Carneiro. Os módulos serão oferecidos gratuitamente de quinta a sábado, na Casa de Cultura da UFJF, mediante inscrição pelo site, até o próximo dia 12.

    Na sexta-feira, o festival convida realizadores e produtores independentes para um diálogo sobre a apresentação das propostas do Fundo Setorial do Audiovisual para 2015. A conversa será conduzida por Rodrigo Carneiro na sede da Funalfa, a partir da 10h.

    O Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades é uma realização do Luzes da Cidade - Grupo de Cinéfilos e Produtores Culturais, em parceria com a Universidade Federal de Juiz de Fora, da Prefeitura de Juiz de Fora e da Insensatez Audiovisual.

    Programação

                                                                                                                                                                                                   Com informações da assessoria

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.