• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação
    Quarta-feira, 7 de novembro de 2018, atualizada às 14h32

    Polícia Militar abre 30 vagas para quadro de oficiais na área de saúde

    Da redação

    A Polícia Militar de Minas Gerais abriu edital do concurso público (DRH/CRS Nº 09/2018), destinado a selecionar 30 candidatos para provimento de cargo no Quadro de Oficiais de Saúde (QOS). O contratado receberá remuneração básica inicial para o cargo de 2º Tenente da PMMG no valor de R$ 8.874,60.

    As vagas disponíveis são para as categorias de médico (anátomo-patologia, anestesiologia, cirurgia geral, cirurgia pediátrica, cinecologia, neurologia, oftalmologia, ortopedia, patologia clínica, pediatria, psiquiatria, urologia e clínica médica) e psicologia (clínico).

    Alguns dos requisitos para ingresso no CFO - PM são:

    • Ser brasileiro(a) nato (a);
    • Possuir idoneidade moral;
    • Estar quite com as obrigações eleitorais e militares;
    • Ter no máximo 35 anos de idade completáveis até a data de inclusão;
    • Ter concluído curso de graduação em nível superior, obtido em estabelecimento reconhecido pelo sistema de ensino federal, estadual ou do Distrito Federal, em área compatível com a função a ser exercida;
    • Ter sanidade física, mental e aptidão física;
    • Ser aprovado em avaliação psicológica;
    • Não apresentar, quando em uso dos diversos uniformes, tatuagem visível que seja, por seu significado, incompatível com o exercício das atividades de policial militar;
    • Não ter sido demitido da PMMG, de outra instituição militar estadual ou das Forças Armadas; não ter dado baixa no conceito "C", nos termos do Código de Ética e Disciplina dos Militares do Estado de Minas Gerais; não ter sido exonerado ou demitido da PMMG ou do Corpo de Bombeiros Militares de Minas Gerais com base no art. 146, incisos II, III, IV ou V, letra "a" e "caput" do art. 147, da Lei nº 5.301, de 16/10/1969
    • Possuir registro atualizado no Conselho Regional atinente à categoria profissional para qual concorre.

    As inscrições serão feitas no site www.policiamilitar.mg.gov.br/crs até 5 de dezembro de 2018.

    O valor da taxa de inscrição é de R$ 266,24. O candidato que tiver dificuldade de acesso à internet poderá comparecer, durante o período de inscrição, diretamente nas unidades relacionadas no edital, no horário e dias estabelecidos, munido de documento de identidade e CPF, para realizar sua inscrição.

    Fases do concurso

    1ª fase: Prova de Conhecimentos - 10 de fevereiro de 2019, em local específico a ser divulgado, em data estipulada no anexo“A” do edital com início previsto para às 8h30.
    2ª fase: Prova Teórico-Prática e de Títulos.
    3ª fase: Exames de Saúde (preliminares e complementares), Avaliação Física Militar (AFM), Avaliações Psicológicas e Exame Toxicológico.
    4ª fase: Estágio de Adaptação de Oficiais (EAdO).

    O prazo de validade do concurso público será de 30 dias, podendo ser prorrogado uma única vez e por igual período, contados da data do resultado final/homologação do concurso.

    Atribuições gerais

    O oficial do Quadro de Oficiais de Saúde da PMMG, respeitadas as características de cada especialidade, deverá atuar em atividades de prevenção de doenças e promoção de saúde física e mental, em conformidade com as normas expedidas pela Corporação, coordenando, controlando e monitorando os resultados alcançados. Para tanto, a atuação do Oficial QOS compreende as seguintes atribuições específicas, dentre outras:
    a) assessorar o Comando nos assuntos relacionados à sua área específica;
    b) gerenciar recursos humanos e logísticos;
    c) desenvolver processos e procedimentos administrativos militares;
    d) promover estudos técnicos e de capacitação profissional;
    e) pautar suas ações em preceitos éticos, técnicos e legais.

    Oficial Médico

    a) executar as atividades relacionadas a assistência à saúde ambulatorial e hospitalar;
    b) desenvolver atividades de promoção à saúde e prevenção de doenças;
    c) zelar pelo cumprimento das normas éticas, técnicas e legais dentro do HPM e NAIS;
    d) primar pela excelência no acolhimento e atendimento técnico-profissional;
    e) participação em comissões multidisciplinares, quando do HPM;
    f) atuar na preceptoria e supervisão de acadêmicos e médicos residentes, quando do HPM;
    g) participação na elaboração de protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas;
    h) participar de treinamentos médicos e atualização técnico-científica.

    Oficial Psicólogo

    a) assessorar tecnicamente os diversos níveis hierárquicos sempre que necessário;
    b) realizar atividades organizacionais que promovam o desenvolvimento de habilidades, promoção à saúde, adaptação ao trabalho, desligamento do trabalho e comprometimento organizacional;
    c) realizar atendimentos clínicos de urgência;
    d) atuar na área de psicologia clínica;
    e) atuar na área de psicologia educacional;
    f) atuar na área de psicologia da aviação;
    g) atuar na área de psicologia hospitalar;
    h) desenvolver normatizações relacionadas à prática da psicologia;
    i) realizar avaliações psicológicas para porte de armas, concursos, cursos, diagnósticos e perícias.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.