• Assinantes
  • Esporte

    Vasco da Gama fará intertemporada de uma semana em JF

    Delegação da equipe chega na próxima segunda-feira. Período de treinamento será encerrado com amistoso contra o Tupi, na manhã do Dia das Mães

    Raphael Placido
    Repórter
    2/5/2013
    vasco

    Na manhã desta quinta-feira, 2 de maio, o prefeito Bruno Siqueira, o secretário de Esportes e Lazer, Francisco Canalli, e o diretor-executivo do Vasco da Gama, Renê Simões, reuniram a imprensa para anunciar a vinda da delegação do Vasco da Gama para uma intertemporada de uma semana em Juiz de Fora. Em contato com os clubes do Rio desde a interdição do Engenhão, a Prefeitura, em parceria com a iniciativa privada, conseguiu acertar a vinda do Vasco, mas ainda não há acordo sobre a equipe mandar jogos na cidade. O mesmo vale para Botafogo, Flamengo e Fluminense, que também mantém conversas com a Prefeitura para jogar no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio.

    Na segunda-feira, o ônibus do Vasco sai do Rio de Janeiro às 10h de segunda, com direção a Juiz de Fora. O elenco almoça em um hotel, que fez uma parceria com a Prefeitura e hospedará o time, e depois segue para treinar.

    Simões explicou que a viagem tem dois principais objetivos: buscar o calor da torcida e aprimorar o convívio dos jogadores, continuando o processo de montagem da equipe do treinador Paulo Autuori. "O Vasco tem tentado trabalhar sua marca. Sabemos que há muita torcida aqui. Somos, hoje, a quarta maior torcida do país, com 20 milhões de torcedores. Queremos aproximar o Vasco da sua torcida. Além disso, uma semana com todos os jogadores juntos é importante para formar o time", explica.

    O diretor-executivo vascaíno também elogiou bastante a infraestrutura da cidade. "A cidade está bem preparada. Tem uma boa rede hoteleira e campo de treinamento. Além disso, está bem perto do Rio. Então, o Vasco está muito feliz de estar aqui", afirma.

    Pelo acordo, o clube não terá despesas nenhuma, uma vez que é a bilheteria da partida contra o Tupi, às 10h de domingo, 12 de maio, que vai pagar a estadia. O diretor também promete doar parte da renda a uma instituição. "O Vasco está precisando muito de ajuda. Então, nada melhor que ajudar alguém. Da parte da bilheteria que o clube terá direito, vamos doar 10% a uma instituição de caridade da cidade", anuncia.

    Ainda não há definição sobre partidas oficiais

    Desde o problema envolvendo o Engenhão, a secretaria de Esportes e Lazer entrou em contato com todos os quatro grandes clubes do Rio, mas ainda não há confirmação sobre mandar jogos na cidade. A princípio, depende da Federação Carioca, que precisa autorizar jogos fora do estado. Há, também, o problema da concorrência, uma vez que várias outras cidades têm feito propostas generosas para receber não só o Vasco, mas também Botafogo, Flamengo e Fluminense.

    "Eu me coloquei à disposição do marketing dos quatro clubes. Eles já sabem do interesse da cidade. Hoje, estamos preparados para recebê-los. Nosso estádio tem 31 mil lugares. Mas cada caso é um caso. Não temos interesse financeiro e o estádio não será cobrado. Mas a gente sabe a quantidade de torcida que os clubes do Rio têm em Juiz de Fora e região. Nossa ideia é trazer alegria ao torcedor. Temos certeza que o carinho com que o Vasco vai ser recebido vai motivar todos os outros a vir jogar aqui também", explica Canalli.

    Vascaíno, o prefeito está confiante em trazer jogos oficiais, do Campeonato Brasileiro ou da Copa do Brasil, para JF. Seja do próprio Vasco ou dos três principais rivais. "Estamos abertos aos clubes cariocas, e aos mineiros também. Mas, por usar recursos públicos, tudo precisa ser feito de forma transparente. A parceria com a iniciativa privada vai ser fundamental. É importante que empresas possam auxiliar a Prefeitura para trazer os jogos, como o hotel fez com o Vasco", finaliza.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.