• Assinantes
  • Fim de Ano

    Aprenda as diferenças e as semelhanças entre as carnes tradicionais de fim de ano

    Para montar um prato menos calórico, o ideal é escolher carnes brancas, arroz e apenas uma das opções de guarnição

    Nathália Carvalho
    Repórter
    24/12/2012
    Peru assado

    Pernil, peru, chester, tender, leitão, lombo e peito de peru. Para muitos, alguns desses tipos de carnes são presenças garantida nas ceias de Natal e Réveillon. Contudo, para outros tantos, as semelhanças e diferenças que existem entre elas é desconhecida. Para não errar na hora do preparo e das comemorações típicas, o Portal ACESSA.com buscou informações para distinguir as variedades nutricionais de cada tipo de carne.

    Aves

    De acordo com a nutricionista Wanessa Aquino, de um modo geral, as carnes brancas são as menos calóricas da lista. "O peru [foto acima] e o chester, por exemplo, são aves e possuem menos calorias do que as carnes bovinas. Recomenda-se que seja retirada a pele dessas aves, local onde concentra a maior parte do colesterol do animal. Mas isso não significa que eles sejam isentos", explica. Nesse sentido, ela informa que o peito de peru é uma carne ainda mais magra e com mais quantidade de proteínas do que o chester. "O chester é o peito de frango que vem de um crescimento diferenciado, muito maior que o convencional", diz.

    Suínos

    Carne suínaJá entre os suínos (foto ao lado), a especialista esclarece que o tender é uma carne mais nobre e mais bem temperada. "Ele vem acompanhado de cravo e especiarias, e é fruto de um processo de defumação que acaba deixando a carne com um sabor diferenciado, que aguça o paladar." Além disso, Wanessa comenta que o tender, normalmente, é vendido em porções menores que as de tamanho padrão, com cerca de um quilo e meio e, por ser industrializado, acaba vindo acompanhado de bastante sódio. "Ele não é tão saudável e não é recomendado para pessoas com hipertensão ou que tenham problemas de colesterol e obesidade, por exemplo. Nesse caso, é melhor optar por carnes brancas e frescas."

    Também suíno, o lombo é uma carne branca com mais fibra e menos suculenta que as demais, com baixa taxa de gordura. "O preparo do lombo acaba sendo mais macio e deixa a carne com mais sabor", explica a nutricionista. Já o pernil, que também pode ser suíno ou de vitelo, é bem saboroso e apresenta uma concentração maior de gorduras. Esse tipo de carne acaba tornando-se mais calórica e pode ser servida com ou sem osso.

    Acompanhamentos

    Para acompanhar as saborosas carnes e pratos especiais para as ceias, a dica da nutricionista é não exagerar na quantidade de comida e optar por algo mais leve. "A ceia acaba ficando bastante calórica, mas tentamos orientar as pessoas a fazer algumas escolhas na hora de colocar o acompanhamento no prato", pontua.

    Entre as opções, está o arroz. Além disso, a indicação é oferecer guarnições como salpicão, farofa ou batata. "O mais importante é escolher apenas uma das opções, como por exemplo, servir-se de uma ave, salpicão e uma salada de folhas, porque não há necessidade de comer de tudo. De preferência, colocar apenas a quantidade necessária, sem exagerar e não repetir o prato, claro", sugere.

    Os textos são revisados por Juliana França

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.