Ventos de outono Criançada usa e abusa de casacos, jaquetas e acessórios nesta estação


Renata Cristina
Repórter
23/03/07

Os ventos do outono vêm chegando. E, com ele, novas cores, formas e maneiras de se vestir. As peças vão se alongando e cada detalhe é preenchido com cores mais sóbrias, delicadas e, ao mesmo tempo, enérgicas. Para quem curte a estação que antecede o inverno, as opções são inúmeras.

Cheias de charme, as meninas ganham novas versões para a calça leg, a blusa trapézio e as batas bem largonas. Tudo com muita malha e tecidos leves, que traduzem a juventude e esperteza das crianças. As cores fortes entram com gás total na estação, sempre combinadas com tons neutros, como o bege, preto ou branco. Dá para usar e abusar da imaginação!

Estacionados no armário por um tempo, o cinza e o roxo chegam para ficar. Em nuances diversificadas, as cores do outono prometem de tudo, desde as vibrações mais pastéis até as mais reforçadas. Outra tendência é o xadrez, que surge sem exagero, somente lapidando detalhes. As estampas de oncinha do verão também têm o seu lugar no inverno. Estilizadas, as panteras ganham ares versáteis e modernos, sempre acompanhadas de muito brilho.

Saindo direto das piscinas para incrementar outras "praias", o engana-mamãe ganha as ruas (foto acima, à esquerda). Usado com jeans e jaquetas o look fica super in. As calças bem justinhas também têm vez na passarela da moda.

Os acessórios garantem o ar fashion da estação e têm lugar garantido no guarda-roupa da meninada. Os cintos, cada vez mais largos, ajudam as garotas a compor um visual único. Seja com túnicas compridas ou com a clássica saia jeans, os cintos fazem o maior sucesso.

Para quem adora calçados baixos, uma boa dica! As botas de salto anabela continuam neste inverno. Combinadas com saia, vestidos e batas, elas ficam um show. Outra tendência forte é o sapato de verniz, bem baixinho. Com a calça leg, ele fica o máximo.

A moda dos garotos ganha brilho e uma versão mais hardcore. Sem sair de cena, o moleton aparece aberto e com capuz, em tecidos mais encorpados. As sobreposições vêm incrementar a moda masculina infantil, com camisas e camisetas. Para as mães que não querem os filhos "engomados", parecidos com pequenos executivos, dá para levantar a gola e fazer um estilo mais despojado.

Os casacos femininos chegam bem curtinhos, mas acima do tamanho usado nos boleros. Vale investir em tecidos de pelúcia, macios e confortáveis. As jaquetas jeans também chegam no mesmo tamanho e deixam a criançada com ares moleques!

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.