Sexta-feira, 26 de novembro de 2010, atualizada às 18h03

Comerciários de Juiz de Fora terão mínimo de R$ 590

Clecius Campos
Repórter

Os trabalhadores no comércio de Juiz de Fora terão mínimo de R$ 590. O valor foi definido nesta sexta-feira, 26 de novembro, e será retroativo à data base, em 1º de outubro. Como as folhas de pagamentos relativas ao mês de novembro já estão prontas, os comerciários receberão a diferença no salário referente à dezembro. O aumento no piso dos empregados representa ganho salarial de 8,25%. Até 30 de setembro, o mínimo do comércio era de R$ 545. Os comerciários que recebem mais que o piso terão ajuste salarial de 6,5%. O aumento representa ganho real de 1,64%, mais correção de 4,86% pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Para os comerciantes que trabalham em supermercados, uma novidade. Tais funcionários receberão pelos feriados trabalhados, terão direito à folga e ainda terão compensação de R$ 33. A partir desta sexta, com retroação aos feriados após 1º de outubro, os trabalhadores dos supermercados terão os mesmos benefícios que os trabalhadores do comércio normal. "Não podíamos conceder um piso diferenciado aos funcionários dos supermercados, pois quem deve conduzir as pessoas a cada setor do comércio é o mercado de trabalho. Acreditamos que com o acordo estabelecido, poderemos trabalhar de forma a não prejudicar ninguém", afirma o presidente do Sindicato do Comércio, Emerson Beloti.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.