Sexta-feira, 28 de abril de 2017, atualizada às 13h30

Greve Geral: comércio abre as portas, mas ruas ficam vazias

Da redação

Mesmo sem transporte coletivo funcionando nesta sexta-feira, 28 de abril, a maioria dos comerciantes de Juiz de Fora não deixaram de funcionar. Mas, quem passa pelas ruas e galerias centrais não vê movimento de consumidores nas lojas.

De acordo com o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL-JF), Marcos Casarin, mesmo com os percalços causados pela paralisação do transporte coletivo, 99,9% dos lojistas conseguiram uma alternativa de deslocamento para seus funcionários e o comércio não deixou de abrir. Ele informou que a CDL-JF enviou a todos os 1.500 associados um e-mail ressaltando que o funcionamento deveria ser comprometido.

"Não podemos fechar. Tivemos três feriados nessas últimas semanas, temos que trabalhar para poder fechar as contas no final do mês. Mesmo com as dificuldades causadas pela falta do transporte público, os consumidores não ficaram sem atendimento".

Entretanto, o Portal ACESSA.com flagrou alguns comércios fechados no Centro da cidade.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.