• Assinantes
  • Saúde
    Thaís Coutinho Thaís Coutinho 20/1/2011

    Energia e saúde

    Foto de arroz preparado Com origem no Japão, o arroz já é cultivado por cerca de sete mil anos, tendo presença marcante no prato dos brasileiros, que consomem em média 70 quilos do grão por ano.  

    Para a realização de nossas tarefas do dia a dia com disposição, nada melhor do que um alimento que nos forneça energia e nutrientes para desempenhar estas funções.  Por estes motivos, o arroz é um dos carboidratos mais indicados, representando 27% da necessidade de energia diária e 20% da necessidade de proteína.   

    O carboidrato do arroz vai ser o responsável por proporcionar a energia ao organismo e as proteínas contribuem para a regeneração dos tecidos, produção hormonal, bom funcionamento das células nervosas e da memória. Mesmo a gordura estando presente em pouca quantidade, é rico em ácidos graxos insaturados, o que é de grande valia para pessoas que apresentam problemas como obesidade e doenças cardiovasculares. Além destes nutrientes, o grão é rico também em vitaminas (A, B1, B2, B3, C, E, K), minerais (potássio, fósforo, magnésio, cálcio, zinco, ferro) e fibras.

    As propriedades do arroz são mantidas conforme o seu polimento. Ou seja, quanto mais polido o arroz, menos propriedades nutricionais serão encontradas. Por este motivo, os mais indicados para o consumo são o arroz preto, parboilizado e o integral. 

    Com todas estas propriedades, o consumo do arroz menos polido ajuda na prevenção de constipação, formação dos ossos e na prevenção da osteoporose, na manutenção dos batimentos cardíacos, a diminuir a incidência de doenças crônicas e a controlar o nível glicêmico, por conta da grande quantidade de fibra. O consumo delas ajuda também na redução da pressão arterial e ao equilíbrio do colesterol total, fatores que auxiliam na prevenção de doenças cardiovasculares e desenvolvimento de câncer.

    Já que o assunto é arroz, não podemos esquecer o seu grande companheiro: o feijão. A dupla promete saúde, pois se complementa em nutrientes.  

    Mas é importante lembrar que uma alimentação saudável deve ser composta de carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas, minerais e fibras. Para isso é importante ter uma dieta variada, com todos os tipos de alimentos, porém sem abusos.

    Risoto de abóbora e rúcula
    • Ingredientes

    - 1 cebola picada
    - 2 xícaras (chá) de abóbora cortada em cubinhos
    - 1 colher (sopa) de azeite de oliva
    - 1 xícara (chá) de arroz arbóreo
    - 1 xícara (chá) de rúcula picada
    - 3 xícaras (chá) de caldo básico de legumes
    - 2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado

    • Preparo

    Refogue a cebola e a abóbora no azeite e adicione o arroz. Mexa por cinco minutos e, aos poucos, vá adicionando o caldo fervente, mexendo até o arroz ficar macio e cremoso. No final, acrescente a rúcula e o queijo. Servir quente.



    Thaís Coutinho é Nutricionista e Personal Diet

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.