Campanha incentiva fazer o teste para detecção de Aids Movimento no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) aumentou 20% nos dias de campanha, em relação aos dias normais

Envie a sua foto pelo link SUA NOTÍCIA, clique aqui
11/2/2010

Estande no Pam Marechal

O mutirão que incentiva o teste para a detecção da Aids aumentou em 20% o movimento no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), em relação aos dias normais. A ação faz parte da campanha de conscientização e combate às DSTs durante o Carnaval. Segundo o coordenador do Programa Municipal de Combate às DSTs/Aids da Prefeitura de Juiz de Fora, Rodrigo Almeida, a ideia é ampliar o diagnóstico da doença. "Quanto antes descobrir, mais cedo começa o tratamento."

Para quem quiser fazer o teste, o CTA fica na rua Marechal Deodoro, 496, e funciona das  8h às 18h. O exame é sigiloso e não é necessário estar em jejum para a coleta do sangue. O resultado sai em dez dias. Além do mutirão da testagem, panfletos e preservativos são distribuídos nos blocos, nos desfiles de escolas de samba, nas Unidades de Atenção Primária à Saúde (Uaps), no Instituto da Mulher e no Departamento de Atenção à Saúde da Criança e do Adolescente (DSCA).

Após o Carnaval, começa a segunda etapa da iniciativa. "O foco será o público que não usou camisinha durante os dias de folia e que irá recorrer ao teste anti-HIV."

Os textos são revisados por Madalena Fernandes

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.