• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde

    Atividades paralelas são opção para motivar o treinamento físico

    Para quem já está disposto a começar o ano levando uma vida saudável, profissionais dão dicas para práticas diferenciadas da musculação, seja ao ar livre ou nas piscinas

    Nathália Carvalho
    Repórter
    2/1/2013
    Academia Fórum

    A chegada do novo ano, iniciado na última terça-feira, 1º de janeiro, e aliada ao auge das altas temperaturas provocadas pelo verão, acaba ocasionando um aumento na procura pela realização de atividades físicas, seja com a promessa de mudança de hábitos ou simples preocupação física com o corpo.

    Entre as opções, estão as academias, centros de ginástica, corridas ao ar livre, hidroginástica e práticas esportivas. Contudo, os profissionais alertam que essa preocupação com a saúde exige atenção no início de qualquer atividade, e ainda sugerem atividades paralelas para aqueles que não curtem a tradicional musculação.

    De acordo com o proprietário da academia Fórum, Marcelo Brigatto, a tendência do verão é um aumento da procura por alguns dispostos a mudar de vida, paralelo a outros que deixam o hábito de lado. "Durante a época das festas de fim de ano, alguns estudantes que residem em Juiz de Fora voltam para as suas cidades e outros trabalhadores do comércio alteram seu horário de trabalho, o que acaba prejudicando o movimento", ressalta. Contudo, ele comenta que, excepcionalmente neste ano, a falta das tradicionais chuvas que assolam a região tem feito crescer a busca pela atividade física.

    Exercícios funcionais

    Segundo Brigatto, para quem procura outras opções de prática física, é possível traçar atividades paralelas à tradicional musculação, feitas de forma mais livre. "Hoje em dia, os exercícios funcionais estão em voga e trabalham o corpo de uma forma geral, muitas vezes, usando o peso do próprio corpo como sobrecarga. Nesse caso, utilizamos acessórios simples, quando trabalhamos força, velocidade, agilidade, coordenação e equilíbrio, simulando situações do dia a dia, que nos auxiliam a desempenhar melhor as nossas funções", explica.

    Entre as atividades, o profissional recomenda o uso de acessórios, como bolas, cordas, elásticos ou o chamado TRX, que são presos em qualquer estrutura rígida, como portas, suportes ou até mesmo árvores, para realização dos exercícios. "São atividades que podem ser feitas em qualquer lugar e até mesmo ao ar livre, para quem tem preferência, até porque o contato com a natureza ajuda a tornar o exercício mais prazeroso. Quando qualquer atividade é feita em grupo, como caminhadas ou pedaladas, há também o fator motivação bastante presente", lembra.

    Já dentro das academias, existem também os exercícios em grupo e as aulas que são opções para esteiras e aparelhos, como spinning, jump, step e aulas de dança. "Eles acabam se tornando lúdicos e bastante atrativos para os alunos. Mas vale ressaltar que a vontade própria é fundamental para a prática de exercícios, seja ele praticado sozinho ou com um personal. A pessoa tem que gostar do que está fazendo, pois certamente atingirá melhor e mais facilmente o seu objetivo", recomenda.

    Atividades aquáticas

    NataçãoUm bom mergulho nesta época do ano pode ser considerado a vontade diária de muitas pessoas que estão trabalhando ou desempenhando outras atividades e, por isso, os profissionais lembram da opção de aliar o alívio de se refrescar no calor à prática esportiva.

    A professora de educação física Márcia Regina Teodoro lembra as opções oferecidas dentro da água. "São várias atividades que podem ser desempenhadas, além da natação, como hidroginástica, corrida na água, hidrobike, polo aquático, vôlei e tantos outros", ressalta.

    Para ela, a recomendação técnica para quem está começando, é ter um início de treinamento moderado, até mesmo dentro da água. "A adaptação deve ser feita com exercícios leves, com caminhadas de pré-aquecimento, por exemplo. É importante buscar a moderação, para que a prática não acabe provocando malefícios para a saúde ao invés de beneficiar", expõe. Além disso, ela sugere que os exercícios sejam feitos em grupo de amigos, para que haja estímulo entre os praticantes.

    Quando comparada às atividades normais, Márcia explica que o exercício dentro da água acaba despendendo mais energia e queima de calorias, podendo chegar a ser duas vezes maior. "Dependendo das condições físicas do aluno, podemos dizer que uma caminhada de 15 minutos na piscina equivale a meia hora fora dela. Isso porque, na água, a intensidade do exercício é dobrada, porque ela fornece resistência à prática. Vale a pena para quem é mais preguiçoso, porque acaba ficando mais fácil e prazeroso", sugere. Nesse sentido, ela ainda pontua que existe a troca de calor dentro da piscina, apesar de não ser tão percebida, principalmente na água fria.

    Precauções

    Os professores ressaltam, ainda, a importância de uma cuidadosa avaliação médica e física antes de iniciar qualquer atividade física, seja ela dentro das academias ou em qualquer outro lugar. "Recomendamos a medição da pressão arterial dos alunos, além de um teste de esforço simples. Acima dos 35 anos, essa avaliação deve ser mais criteriosa", ressalta Brigatto. Além disso, ele lembra que a avaliação postural e as orientações sobre nutrição, e até mesmo sobre o tipo ideal de roupas e calçados, também são importantes.

    Já para os que optam pela água, além dos exames médicos, Márcia recomenda ficar atento à qualidade da piscina e à preocupação total com a higiene em locais públicos. "É importante também sempre ser acompanhado de uma orientação técnica e buscar não realizar atividades em horários de pico de calor, com o sol muito forte. O uso do protetor solar é essencial", diz.

    Os textos são revisados por Juliana França

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.