Segunda-feira, 2 de maio de 2016, atualizada às 18h47

Procura supera expectativas e postos de saúde devem ficar sem vacina da gripe em JF

Devido a alta procura pelas doses da vacina da Campanha Contra a Gripe durante o dia 'D', realizado no último sábado, 30 de abril, algumas unidades devem ficar desabastecidas durante esta semana, conforme informa a Secretaria de Saúde de Juiz de Fora. A previsão é de que a nova remessa chegue ao município até sexta-feira, 6. O balanço divulgado nesta segunda, 2 de maio, mostra que 55.016 pessoas já foram imunizadas contra o vírus do H1N1.

Segundo nota divulgada pela pasta, "houve remanejamento de doses entre os postos para que os usuários não ficassem sem a imunização."

A secretaria afirma, ainda, que a cidade superou a previsão de vacinas enviadas pelo Estado, esfera responsável pelo repasse das doses. Foram aproximadamente 70 veículos e quase mil colaboradores empenhados na ação. A expectativa é que sejam vacinados cerca de 140 mil pessoas que fazem parte dos grupos de risco, que são compostos por crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas (mães com bebês de até 45 dias), trabalhadores da saúde, idosos e doentes crônicos, dentro do grupo das comorbidades preconizadas pelo Ministério da Saúde.

A campanha vai até 20 de maio e a meta é imunizar 80% do público-alvo. A vacina disponibilizada é a trivalente e protege contra os três subtipos do influenza: A (H1N1); A (H3N2); e influenza B.

Viçosa

Em Viçosa, as doses de vacina se esgotaram no início da tarde desta segunda-feira, 2 de maio. A nova remessa tem previsão de chegar na cidade somente na próxima semana e a vacinação deve ser retomada no dia 10 de maio.

A coordenadora do Setor de Imunizações e Campanhas da Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Viçosa, Dayana Alves, informou que do montante do público-alvo, estimado em 15 mil pessoas, o município recebeu, até o momento, 57% das doses.

Conforme a coordenadora a distribuição da vacina contra a gripe (H1N1) é de responsabilidade do Ministério da Saúde e, apesar do atraso, deverá haver doses disponíveis para atender ao público até o próximo dia 20, data limite para a vacinação.

Com informações Assessoria

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.