• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018, atualizada às 8h17

    Minas Gerais tem 76 mortes por Febre Amarela

    Da redação

    Minas Gerais tem 183 casos confirmados de Febre Amarela, sendo que 76 evoluíram para óbito e outros 404 casos continuam em investigação, segundo informações do último Informe Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde.

    Do total de casos confirmados de febre amarela silvestre, 167 (91,3%) são do sexo masculino e 16 (8,7%) do sexo feminino. Dentre os óbitos, três foram do sexo feminino, representando 3,9% do total de óbitos confirmados. Todos os casos foram confirmados laboratorialmente. Até o momento, não há relato de vacinação para a febre amarela entre os casos confirmados. A mediana de idade dos casos confirmados é de 48 anos (3 – 88 anos). A letalidade por febre amarela em Minas Gerais no período de 2017/2018 é de aproximadamente 41,5%. Até o momento, Juiz de fora registrou quatro casos de internação e três óbitos.

    No período de monitoramento 2016/2017 (julho/2016 a junho/2017) foram registrados 475 casos confirmados de Febre Amarela no estado de Minas Gerais, sendo que destes, 162 evoluíram para óbito. O último caso confirmado teve início dos sintomas no dia 09 de junho de 2017.

    Atualmente, a cobertura vacinal acumulada de febre amarela em Minas Gerais está em torno de 83,38%. Ainda há uma estimativa de 3.299.174 pessoas não vacinadas contra a febre amarela, especialmente na faixa-etária de 15 a 59 anos de idade, que também foi a mais acometida pela epidemia de febre amarela silvestre ocorrida em 2017. Entre os 853 municípios do Estado, 37,63% (321) delas não alcançaram 80% de cobertura vacinal; outros 33,65% (287) dos municípios tem entre 80% e 94,9% de seus moradores vacinados; com mais de 95%, estão 28,72% (245) das cidades mineiras com recomendação de vacina.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.