• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Quarta-feira, 11 de março de 2020, atualizada às 9h15

    Juiz de Fora tem dez casos suspeitos de coronavírus

    Da redação

    Juiz de Fora tem dez casos em investigação de infecção humana pelo COVID-19, segundo o último boletim da Secretaria Estadual de Saúde. Em Barbacena são dois casos suspeitos, quatros em São João Del Rei e um caso descartado em Viçosa.

    Em Minas Gerais, até o momento, já foram notificados 243 casos de infecção humana pelo COVID-19, destes, 29 foram descartados, 213 estão em investigação como suspeitos e um caso foi confirmado.

    Em nota, a SES explicou que "os dados são parciais sujeitos à revisão/alteração. Esclarecemos que pode haver diferença entre os números apresentados pelo Ministério e pelo Estado, devido ao processo de avaliação que é dinâmico e ao horário diário de fechamento de dados".

    Caso confirmado

    Foi confirmado o primeiro caso de Coronavírus (Covid-19) em Minas Gerais. Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) disse que foi comunicada do caso pelo Laboratório Hermes Pardini, na última sexta-feira, 6. A coleta para análise foi realizada em domicílio, na quinta-feira, 5, e a análise finalizada no dia seguinte. O material foi encaminhado para a Fiocruz que homologou o resultado neste domingo, 8.

    "Trata-se de uma mulher, de 47 anos, com município de residência em Divinópolis, que esteve na Itália, retornando à capital mineira em 2/03. No momento, a paciente apresenta sintomas leves (coriza, mialgia e sensação de mal estar) e encontra-se em isolamento domiciliar. A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais está preparada para receber este e novos casos de coronavírus e está tomando todas as medidas necessárias para prestar assistência à população e realizando vigilância epidemiológica da doença."

    Prevenção

    O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão lavar constantemente as mãos, sobretudo após uso de transporte público e contato com pessoas em locais de aglomeração pública, evitar levar as mãos ao nariz e aos olhos, cobrir a boca e o nariz ao espirrar.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.