Guias turísticos ajudam a preparar a viagem Os manuais são usados antes da viagem para a escolha do destino, durante para curtir os melhores lugares e tirar dúvidas e depois do passeio para recordações


Daniele Gruppi
Repórter
06/09/2008

Para quem pretende viajar e não quer depender de agências de turismo para traçar o roteiro, uma dica para preparar o passeio é consultar os guias turísticos. Seja para passar as férias, o feriado ou o final de semana, os manuais auxiliam, por exemplo, oferecendo informação sobre hotéis, restaurantes, atrações, cultura e locadoras de automóveis.

Os manuais podem ser encontrados em livrarias e em bancas de jornais. Geralmente, são usados principalmente antes da viagem para escolher seu destino, durante a viagem para aproveitar os melhores lugares e tirar algumas dúvidas e depois do passeio para recordar a experiência.

Segundo o vendedor Thiago Alves Ferreira, os guias são bastante procurados e a escolha entre as inúmeras publicações variam de acordo com a temporada. "No verão, a venda por livros que falam sobre lugares litorâneos é maior, já no inverno, é por locais fora do Brasil".

Há diversas opções de guias, que trazem abordagens específicas sobre os diversos países e cidades e focam ainda no perfil de cada turista. Se a viagem será com as crianças, existem aqueles que montam passeios direcionados para elas. Trazem também sugestões de como distrair a molecada no carro ou no avião. Assim, a fuga da rotina pode ser mais agradável.

Os recém-casados também podem escolher onde passar a lua de mel através dos guias. Nas publicações voltadas para os casais, há a abordagem de destinos paradisíacos e românticos. Para os aventureiros, que tal saber o lugar ideal para se praticar as diversas modalidades esportivas, como trekking, rapel, escalada, montanhismo, dentre outros?

Foto de um guia de viagem mostrando uma página com mapa Foto de um guia de viagem

Se o período em que pode viajar não coincidiu com o da sua família, nem com o dos amigos, não há motivo para desistir do passeio. É possível viajar sozinho e se divertir. Diversas pessoas enfrentam esta mesma situação e, pensando nesse público, editoras lançaram manuais convencendo os turistas que estão sem companhia a colocar o pé na estrada.

Para quem vai fazer intercâmbio no exterior, há livros que falam sobre como lidar com a adaptação e com os obstáculos, com o stress aculturativo, com o retorno ao país. Também mostram os riscos de se morar fora.

Foto de um guia de viagem mostrando uma página com mapa Foto de um guia de viagem

Há também guias sobre cruzeiros marítimos, turismo religioso, modelos de navegação com GPS, primeiros socorros, manuais de rua, dentre outros. Ferreira afirma que livros sobre as ruas e avenidas do Rio de Janeiro e São Paulo são um dos mais vendidos. Além dos manuais, ter um mapa local em mãos, é sempre útil.

Os guias também atraem a atenção dos curiosos, como Haroldo Texeira Marinho. Ele diz que viaja mesmo é pelos guias. "Faço coleção de livros e manuais. Tenho mais de seis mil volumes na biblioteca de casa. Compro guias sobre o Brasil e de outros países, ainda falta adquirir sobre a Irlanda, Cecília, Dinamarca e Suíça".

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.