• Assinantes
  • Autenticação
  • Turismo
    Quarta-feira, 7 de julho de 2010, atualizada às 18h43

    Capacitação de profissionais visa à promoção do turismo em Juiz de Fora

    Carolina Gomes
    Repórter

    Será realizado na próxima segunda-feira, 12 de julho, o segundo módulo do programa Bem vindo à Juiz de Fora, que visa à capacitação de 240 profissionais ligados à área de turismo, como taxistas, garçons, agentes de trânsito, recepcionistas de hotéis, entre outros, para a promoção do turismo em Juiz de Fora.

    O módulo conta com a realização de visitas guiadas aos principais pontos turísticos da cidade. Usina de Marmelos, Museu Mariano Procópio, Morro do Imperador e Parque da Lajinha são alguns dos atrativos que serão visitados nos dias 12, 13, 21 e 22 deste mês. Pontos na região central, como o Cine-Theatro Central e o Centro Cultural Bernardo Mascarenhas, também devem ser inseridos na programação de visitas.

    Segundo a turismóloga da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico (SPDE), Daniele Feyo, o objetivo principal do projeto é ampliar a capacidade receptiva da cidade. De acordo com Daniele, durante o curso, que termina no dia 18 de agosto, serão oferecidos cursos de línguas, palestras, além das visitas guiadas. "A ideia é munir o profissional de informações sobre o turismo na cidade", afirma.

    A iniciativa foi tomada devido ao fato de a cidade sediar, em agosto, os Jogos Pan-Americanos Escolares. "Contudo, pretendemos dar continuidade, tendo em vista a indução do desenvolvimento do potencial turístico da cidade e da região."

    Os profissionais capacitados receberão um adesivo, o qual vai qualificá-los como aptos a promover o turismo. A turismóloga informou que, posteriormente, será estabelecida uma parceria entre o núcleo de Turismo e estes profissionais, a fim de que haja maior e melhor divulgação dos eventos realizados.

    "O Pan será um termômetro, servirá como base a respeito do que poderá ser feito. A partir de então, faremos adaptações e promoveremos mais cursos deste tipo", ressalta. Daniele lembra que há a necessidade de trabalhar a conscientização dos profissionais da área, visto que o curso não é obrigatório. "As pessoas devem ter consciência de que é preciso que cada um faça a sua parte para promover o turismo."


    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.