• Assinantes
  • Saúde

    Cardápio de jogo Assistindo a 25% dos jogos da Copa ingerindo quatro latinhas de cerveja e uma porção de tira-gosto você pode engordar 3kg

    Fernanda Leonel
    Repórter
    17/06/2006

    Brasileiro parece esperar a Copa do Mundo pelos quatro anos que ela demora para chegar. Talvez, porque somos o país do futebol. Talvez, porque somos o país da alegria. Mas, certamente porque se sabe que dia de jogo é dia de unir essas duas paixões.

    É difícil pensar em um jogo do Brasil sem algum tipo de comemoração. Em Juiz de Fora, no dia da estréia da seleção no campeonato mundial, por exemplo, faltou espaço na Avenida Rio Branco para tanta gente que subia em carreata com suas bandeiras ou camisetas em punho.

    Uma mistura de gente, em um mar verde e amarelo. Gente que comemorou em casa, com os amigos, que resolveu fazer um churrasco para reunir a família ou que escolheu o seu bar ou boteco preferido para sentar de frente à TV. Gente diferente, com uma coisa um comum: a torcida pela Brasil e o "cardápio" do dia.

    É só parar para lembrar dos últimos jogos ou das últimas copas para ter certeza. A cervejinha e seu fiel escudeiro tira-gosto estão ou estavam presentes na comemoração.

    Como destaca Antônio de Pádua Mello, dono de um barzinho no Alto dos Passos, a venda de cervejas e chopps em dias de jogos da seleção chega a aumentar até 60%. Já os tira-gostos, ele diz não poder afirmar com certeza, mas acredita que seja em média 40%, já que quase todas as pessoas que sentam para tomar alguma coisa, querem "beliscar algo".

    E quais são os acompanhamentos mais cotados? Batata-frita, mandioca, carne, amendoim... Alimentos com muita gordura e altamente calóricos. Tudo bem que pular e gritar com os possíveis gols acabam gastando algumas calorias. Mas para quem quer ficar de olho na balança, assistir aos jogos tomando uma cervejinha e beliscando alguma coisa, pode significar algum perigo.

    Dia de jogo regado ao cardápio tradicional do brasileiro pode custar alguns quilinhos sim. E o primeiro motivo deles está no simples fato de se ingerir muitas calorias comendo aqueles alimentos que podemos classificar como "de boteco".

    Bebidas que contém álcool são altamente calóricas. Todas elas, independente da escolha feita por quem bebe. Um grama de álcool queimada no organismo se transforma em sete calorias. Esse número ganha, por exemplo, para os açúcares que se transformam em quatro calorias a cada um grama.

    Bebidas alcoólicas só perdem para alimentos que possuem gordura, o que nesse caso, não faz lá tanta diferença. Os principais tira-gostos que acompanham as bebidas estão cheio delas. Cada um grama de gordura quando queimada no organismo se transforma em nove calorias.

    Pior que soma de calorias
    Para quem gosta da mistura de bebida alcoólica com tira-gosto lá vai mais uma notícia. Um dos principais problemas dessa combinação vai além do somatório das calorias que se ingere. A combinação dos alimentos pode fazer uma pessoa engordar mais por ingerí-los juntos.

    O que acontece é que o álcool é o único alimento que não consegue armazenar suas calorias. Tudo que se é ingerido precisa ser gasto praticamente ao mesmo tempo que se consome. A desvantagem nisso? Se a bebida é calórica, e não possui nutrientes, você vai sentir fome logo.

    Depois de estar com muitas calorias na sua cota do dia (pela ingestão do álcool e pelo que você já comeu), você ainda vai querer comer mais alguma coisa, já que ao ingerir álcool ele começa a ser queimado e dá fome. O que você acaba escolhendo para comer, possivelmente vai ser calórico (tudo que combina é calórico) e seu organismo vai estar ocupado em gastar a energia que ele está recebendo da bebida.

    O resultado? O que você comeu antes de começar a beber começou a ser gasto, mas vai dar lugar à queima de calorias para o álcool que não consegue deixar o seu gasto para depois.

    Já o tira-gosto que possivelmente vem por aí, vai, ao menos que você não tenha consumido quase nada durante o dia, diretamente para o armazenamento. Ou seja, ele possui grandes chances de virar barriguinha pouco tempo depois.

    Comendo mais por causa da TV

    Para quem está preocupado com a balança, mas quer curtir cada jogo da Copa em ritmo de cerveja e fazendo uma boquinha, vale mais uma dica. Comer em frente a televisão pode fazer com que a pessoa coma mais e tenha dificuldade de sentir que está saciada.

    Comer menos está diretamente ligado à mastigação. Quanto mais se mastiga um alimento e se come sem pressa, maior a probabilidade de seu cérebro entender que já está bom aquela quantidade de alimento para o seu organismo. Como destaca a nutricionista Clorisana de Abreu (foto), a sensação de sacidade está diretamente ligada à atenção que a pessoa dedica à comida.

    E dia de jogo então, fica ainda mais difícil. Não é possível desgrudar os olhos da telinha. E aí vai mais cerveja do que se imaginava que ia, e mais pedacinhos de mandioca ou batata-frita que se pretendia. Pior, muitas vezes se come tanto sem prestar atenção, que minutos mais tarde, o garçom volta à mesa para mais um pedido.

    Para quem realmente se preocupa e fica nervoso com futebol, a situação pode ficar mais complicada. Estresse e ansiedade dão fome. Quando o corpo libera adrenalina nos mil e um momentos delicados de uma partida de copa, o organismo entende que é hora de fazer um lancinho. Ele acredita que precisa comer para se equilibrar novamente.

    De olho na balança!

    A nutricionista Clorisana Abreu topou a experiência. Ela nos forneceu uma tabela de calorias dos principais alimentos ingeridos pela maioria das pessoas durante os jogos da Copa do Mundo e também depois, nas possíveis comemorações.

    Se você está torcendo para que o Brasil chegue até a final, e pretende comemorar em grande estilo, faça suas contas e não esqueça que um adulto não deve ultrapassar a marca das 2.500 calorias por dia.

    Se pretende gastar muitas delas com uma cervejinha ou um choop, faça as contas mais ainda. Lembre-se que o álcool é o primeiro a ser queimado pelo nosso organismo e que isso faz com que muita coisa que você coma no mesmo momento vá para o "armazenamento" do nosso organismo direto.

    A nutricionista criou a seguinte situação para que você tome por base na hora de entender se está ganhando alguns quilinhos durante os jogos ou não. O somatório de calorias corresponde a uma situação "leve", na qual tanto a cerveja quanto o tira-gosto aparecem em pequena quantidade.

    Se você tomar quatro latinhas de cerveja e comer uma pequena porção de algum tira-gosto frito, vai estar ingerindo quase mil calorias (praticamente metade do que poderia ingerir em 24 horas). Isso equivale à:

    • um copo de suco de laranja duplo, um hamburger, uma bola de sorvete e mais três frutas....ou
    • um iogurte, dois pães de queijo, um sanduíche de frango e mais três frutas.

    Em gramas de gordura no corpo, isso quer dizer você pode ganhar até 130 gramas por jogo, caso você só coma uma vez e não tome mais que quatro cervejas.

    Se nessa situação, quem ingeriu as cervejas e tira-gostos assitir somente aos jogos do Brasil, pode engordar aproximadamente um quilo, e se assistir a 25% da Copa nessas condições, o que não é muito difícil para quem gosta de futebol, essa diferença na balança pode chegar a três quilos.

    Mas não se esqueça: a ingestão desses alimentos é sempre muito vazia de nutrientes e acumula tecido adiposo principalmente na região abdominal. Então, não é boa para ninguém, inclusive para quem quer dar uma engordadinha.

    Confira as calorias dos principais alimentos ingeridos em comemorações de jogos do Brasil na Copa do mundo. Os valores calóricos são da nutricionista Clorisana Abreu, e as preferências do público juizforano, de Antônio de Pádua, dono de um bar na cidade.

    Alimento Calorias Quantidade
    Cerveja 147 calorias Uma lata
    Mandioca frita 330 calorias Uma porção pequena
    Lingüiça 300 calorias Uma porção pequena
    Batata-frita 560 calorias Uma porção pequena
    Amendoim salgado 300 calorias 100 gramas

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.