• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação

    Relações humanas no trabalho

    Luiz Roberto Martins Luiz Roberto Martins 5/06/2019

    Num ambiente corporativo, seja ele de pequeno ou grande porte, há pessoas que trabalham juntas. São sujeitos que trazem suas histórias de vida, comportamentos e experiências singulares que podem interferir nos relacionamentos, ocasionando assim, uma diminuição da produtividade.

    Uma das ações estratégicas assertivas que possuem o objetivo de manter a boa convivência é a chamada inteligência emocional que é essencial para o desenvolvimento do indivíduo, segundo Daniel Goleman. Para um bom desempenho pessoal, faz-se necessário ser flexível, determinado e ter uma capacidade de autoconhecimento para lidar com os sentimentos.

    A promoção de uma Gestão Comportamental sempre ajuda nas relações humanas, pois, através dela, é possível mapear o comportamento dos funcionários, e numa atitude mais empática, conseguir entender o outro de forma mais respeitosa e humanizada.

    Vale lembrar que em todos os segmentos de trabalho, a inteligência emocional deve-se fazer presente, embora haja algumas atividades que as expõem de forma mais significativa. Os líderes, por exemplo, necessitam aperfeiçoá-la para que no cotidiano possam conviver com as mais diferentes situações e manter um ambiente de harmonia diante dos colaboradores. Dentro desta perspectiva, um administrador deve orientar, influenciar e manter uma comunicação assertiva com seus subordinados, pois uma liderança só se faz quando seus colaboradores se encontram motivados para segui-lo.

    Outra maneira de buscar o equilíbrio nas relações humanas no trabalho é desenvolver a competência interpessoal, pois se trata da habilidade em lidar eficazmente com o outro. É de fundamental importância buscar a sintonia entre as pessoas, pois sem ela, o stress e a desmotivação dificultarão o bom andamento e alinhamento do grupo. Entende-se por relacionamentos sustentáveis aqueles que têm como base, a integridade e a confiança, pois acabam aproximando as pessoas.

    Ser desrespeitoso e arbitrário influencia negativamente nas relações humanas, pois impedem a harmonia. A competitividade, com o objetivo de gerar engajamento, é importante para a equipe de trabalho, porém, em demasia, é fator que debilita as boas relações, pois muitas pessoas que buscam um maior reconhecimento optam por abandonar a gentileza e a generosidade que devem permear o dia a dia das pessoas.

    Outro aspecto importante na melhoria das relações humanas no trabalho é promover ações que conscientizem todos no que diz respeito às diversidades no ambiente da empresa. Um sistema de avaliação com feedback permite que todos participem de forma democrática, e isso é de grande valia. A comunicação interna deve ser eficiente e os eventos internos devem ser estimulados para que a interação de todos seja fortalecida.

    Termino com uma frase de Antoine de Saint-Exupéry: “A grandeza de uma profissão é talvez, antes de tudo, unir os homens: não há senão um verdadeiro luxo e esse é o das relações humanas”.

    Luiz Roberto Martins de Oliveira é Graduado em Letras
    Especialização em Literatura
    Especialização em Gestão Educacional
    Professor e revisor de monografias, livros e artigos para revistas
    Fan Page

    Os autores dos artigos assumem inteira responsabilidade pelo conteúdo dos textos de sua autoria. A opiniao dos autores nao necessariamente expressa a linha editorial e a visao do Portal ACESSA.com

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.