Segunda-feira, 1 de agosto de 2011, atualizada às 18h47

Volta às aulas na UFJF está marcada para 8 de agosto, mas professores sinalizam para possibilidade de greve

Aline Furtado
Repórter
UFJF

O calendário letivo do segundo semestre da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) aponta o início das aulas para o dia 8 de agosto. Contudo, professores da instituição, em mobilização por melhores condições de trabalho, não descartam a possibilidade de greve, com início ainda no mês de agosto.

De acordo com informações da Associação dos Professores de Ensino Superior de Juiz de Fora (Apes-JF), a categoria montou um calendário de mobilização a partir da informação repassada pelo governo federal de que não há possibilidade de reajuste salarial para o ano de 2011. Já o reajuste em 2012 só será avaliado caso o acordo entre as partes seja fechado até o dia 31 de agosto deste ano. 

Entre os dias 15 e 30 deste mês, serão realizadas várias assembleias, com manifestações e atos públicos. Nos dias 6 e 7, os professores reúnem-se em Brasília, em encontros que definirão os rumos da mobilização. A reunião local está marcada para o dia 11. A categoria paralisa as atividades nos dias 23 e 24. Entre as reivindicações, estão a valorização dos servidores por parte do governo, a definição da data-base, a luta contra a precariedade do trabalho, entre outras.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.