Prepare-se para abrir uma empresa, mas também para sair do negócio

Carolina Lopes Carolina Lopes 13/11/2017

A decisão do empreendedor de vender sua empresa ou de fechar as portas não necessariamente está relacionada ao insucesso. Várias situações podem determinar a saída do empresário do negócio. Os sócios precisam saber quando é o momento de encerrar ou mudar as atividades. Para isso, eles precisam estar atentos não apenas à demanda do mercado, como também acompanhar os resultados financeiros da empresa. Além disso, existe a situação em que os gestores decidem colher os frutos do trabalho de anos e se aposentarem.

Independente da situação, encerrar as atividades da empresa requer planejamento. Ao contrário do que muitos pensam, as diversas ferramentas de gestão não servem apenas para abertura ou manutenção da empresa. Elas precisam ser usadas também para o término do negócio.

Identificada a situação é preciso traçar metas e ações para atingir o objetivo pretendido. Vale lembrar que as metas precisam ser claras, específicas, tangíveis e mensuráveis. Elas precisam, por exemplo, ter datas, valores financeiros projetados, ações bem definidas e serem possíveis de se realizarem.

Uma sugestão para auxiliar neste planejamento seria usar o modelo de Plano de Ação 5W2H, assunto já abordado em uma das minhas colunas. Este Plano pode ser útil em diversas situações. Para pequenas e médias empresas é essencial, pois ele traz foco e praticidade para um micro empresário que muita das vezes acumula diversas funções de gestão.

“Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve”.
Lewis Carroll

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.