Terça-feira, 03 de fevereiro de 2009, atualizada às 18 h

Salmonela em maionese é a responsável pelo surto de intoxicação em JF


Daniele Gruppi
Repórter
Madalena Fernandes
Revisão

A Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora divulgou nesta terça-feira, 3 de fevereiro, o relatório sobre os casos de intoxicação alimentar que ocorreram na cidade. Segundo o chefe do Departamento de Vigilância Sanitária, Ivander Matos, ficou constatado surto por salmonela.

Sessenta e uma pessoas passaram mal após consumirem maionese caseira servida em sanduíches em um trailer na rua Evaristo Veiga, no bairro Benfica, no dia 10 de janeiro. Desse total, 28 ficaram hospitalizadas, sendo liberadas posteriormente.

O trailer que vendeu os sanduíches não possuía autorização para funcionar e foi fechado após os primeiros casos. O laudo será anexado ao processo administrativo e o dono do estabelecimento poderá ser advertido ou até multado.

Matos afirma que a tendência é que o estabelecimento seja apenas advertido, uma vez que, como a própria família foi vítima, pressupõe-se que não houve intenção de causar mal às pessoas. "O fechamento do trailer deixa de ser uma medida cautelar para ser definitiva com a chegada do laudo".

O chefe do Departamento de Vigilância Sanitária alerta a população para evitar o consumo de maionese caseira. Desde 2003, vigora uma resolução estadual que proíbe a comercialização de maionese caseira. Somente é permitida aquela que é industrializada e embalada em sachês.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.