• Assinantes
  • Saúde
    Segunda-feira, 17 de agosto de 2009, atualizada às 17h21

    Transporte público urbano vai tomar medidas de prevenção contra a Gripe A

    Clecius Campos
    Repórter

    A prevenção da Influenza A (H1N1) vai mudar a rotina no transporte coletivo da cidade. O Comitê Municipal de Enfrentamento à doença reuniu-se com representantes da Astransp a fim de discutir medidas profiláticas à nova gripe dentro dos ônibus, na manhã desta segunda-feira, 17 de agosto.

    De acordo com o presidente do comitê, Ivander Mattos Vieira, foi recomendado às empresas que seja diminuído o número de pessoas por coletivo. "As empresas irão se reunir na próxima terça-feira, dia 18, para decidir como procederão para acatar as recomendações. Um ônibus cheio é um tipo de aglomeração que precisa ser evitada."

    Segundo Vieira, a Astransp comprometeu-se a realizar limpeza nos veículos em circulação, todas as noites, com álcool gel. Foi orientado ainda que os ônibus mantenham janelas abertas e o ambiente dentro deles esteja arejado. "Para os usuários, é preciso que façam a higienização das mãos e as mantenham longe de boca e nariz. É importante que os ônibus muito cheios sejam evitados."

    De acordo com a assessoria de comunicação da Astransp, na tarde da desta terça-feira, 18, os médicos de todas as empresas de ônibus irão realizar uma nova reunião com a Secretaria Municipal de Saúde, para definir a estratégia de enfrentamento à Gripe A.

    Segunda morte suspeita é registrada

    Uma mulher de 48 anos, moradora de Juiz de Fora, é a segunda morte suspeita de Influenza A no município. A paciente estava internada no Hospital João Penido e faleceu às 23h do último domingo, 16 de agosto. Ela estava sendo medicada com Tamiflu. Amostras de secreções respiratórias foram colhidas e o resultado é aguardado. Juiz de Fora tem três casos confirmados da doença. Trinta e três pessoas estão internadas em hospitais da cidade com suspeita da doença, sendo cinco em estado grave. Nove casos foram descartados.

    Segundo a última nota técnica da Secretaria de Estado de Saúde, no último dia 15 de agosto, Minas Gerais tem cinco casos de óbito por Gripe A e outros 32 em investigação.

    Surto em empresa

    Sete funcionários de uma metalúrgica da cidade apresentaram sintomas da Gripe A e estão em isolamento domiciliar, sob investigação. Foram colhidas amostras de secreções respiratórias de três deles para análise. Segundo Vieira, a suspeita é de que o vírus tenha sido importado do Rio de Janeiro. "A metalúrgica presta serviço para outras empresas daquela cidade. É provável que algum deles tenha contraído o H1N1 lá."

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.