• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde

    Alterações no sono causam danos à postura durante o dia Uma noite mal dormida pode afetar o equilíbrio postural, prejudicar a fluidez dos movimentos e comprometer a hidratação dos discos intervertebrais

    Clecius Campos
    Repórter
    6/4/2010

    Entre o grande número de danos que uma noite mal dormida pode proporcionar estão os reflexos negativos na postura durante o dia. De acordo com o fisioterapeuta especialista em posturologia, Anderson Daibert, alterações no sono causam modificações sensíveis ao corpo durante o estado de vigília, que é quando a pessoa está acordada.

    "Toda alteração de sono causa uma mudança no estado de vigília. Isso porque a função de dormir é refazer ou recompor tudo aquilo que foi gasto ou modificado no tempo em que ficamos acordados. No ramo da posturologia, o bom sono determina o estado em que ficará o músculo após a sua recomposição." O fenômeno ocorre pois um neurotransmissor chamado dopamina estimula o corpo humano enquanto estamos acordados. No entanto, essa espécie de hormônio deixa resíduos que devem ser eliminados justo no momento do sono.

    "Se o corpo for incapaz de eliminar esse resíduo, conhecido como adenosina, a sua presença pode causar dor, indisposição e afetar a postura, devido à má regulação do tônus muscular." Esse é apenas um dos prejuízos que uma noite mal dormida pode causar. Segundo Daibert, o mau sono é capaz de piorar o estado de equilíbrio postural, modificando a organização sensitiva dos pés. "Quando a pessoa dorme pouco, ela repousa menos a planta dos pés, que são órgãos de sentido. Só o descanso, sem contato com as plantas dos pés, é capaz de restaurar os receptores nervosos e garantir um bom equilíbrio."

    O sono ruim pode ainda alterar a fluidez dos movimentos uma vez que a coluna vertebral fica mais tensa do que se tivesse passado oito horas em repouso. "Outro problema grave é a baixa restauração dos discos intervertebrais da coluna. Quando estamos de pé, os discos são comprimidos pelas vértebras. Quando estamos deitados, a coluna fica em posição antigravitária e os discos podem ser novamente hidratados, proporcionando a melhor curvatura da coluna. Outro benefício dessa hidratação é que os discos ficam mais bem preparados para absorver os impactos que vêm do chão, causando menos dores."

    Daibert lembra ainda que uma boa noite de sono é capaz de melhorar a organização da óculo-motricidade, dando vigor e agilidade aos músculos dos olhos, e aumentar a resistência à fadiga. "Outro benefício é a melhora das ações cognitivas, já que quem dorme bem descansa a mente."

    Como dormir bem?
    "Cada um tem uma forma diferente de dormir e é difícil criar uma regra. Durma bem, com a postura que você tem."

    De acordo com Daibert, dormir não é uma atividade opcional. Quem costuma privar-se de horas de sono a cada dia terá obrigatoriamente que compensar a falta de sono com repouso mais longo, posteriormente. "Dormir não é perda de tempo. É ganho de qualidade de vida." Daibert afirma, porém, que não há uma fórmula posturológica para o bom sono. "Cada um tem uma forma diferente de dormir e é difícil criar uma regra, principalmente porque o sono é um estado de inconsciência. Meu conselho é: durma bem, com a postura que você tem."

    Ele afirma que é preciso tomar alguns cuidados com a superfície onde se dorme, que deve ser adequada ao tamanho e ao peso de cada pessoa. "Isso é fácil de conseguir, escolhendo a densidade ideal do colchão." Outra cautela deve ser tomada com o travesseiro, que precisa estar de acordo com a largura dos ombros. "No mais, é criar um ambiente de sono perfeito, com um quarto o mais escuro e o mais silencioso possível. O local também pode ser climatizado, com temperatura por volta de 23º C." As dicas ainda levam em conta não ingerir bebida alcoólica nem cafeína à noite.

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.