• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade

    Quinta-feira, 26 de julho de 2007, atualizada às 12h27

    Reunião não chega a acordo e servidores realizam outra passeata


    Guilherme Oliveira
    Colaboração*

    Os servidores técnicos administrativos de 38 universidades públicas de todo o país, incluindo 38 da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), realizam, na tarde dessa quinta-feira, mais uma passeata na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Aproximadamente 1300 trabalhadores estão presentes no local.

    Nessa quarta-feira à noite, dia 25 de julho, a reunião entre a Central Única dos Trabalhadores (CUT), membros do Comando Nacional de Greve dos Servidores e Governo Federal, não chegou a uma definição para o término da greve. "Em outras palavras, eles só negociam com o término da greve. Eles marcaram para a próxima quinta-feira [02 de agosto] outra reunião. Estão querendo vencer a gente pelo cansaço", diz o coordenador geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação da UFJF (Sintufejuf), Paulo Dimas.

    Dentre as principais reivindicações dos servidores, estão a reposição salarial e mais concursos públicos para as universidades, além do retorno da Data-Base (última data do período de negociação), que desde 1995 não acontece.

    Após a passeata, os servidores da UFJF voltam à Juiz de Fora. A categoria agendou uma assembléia para a próxima sexta-feira, 27 de julho, às 14h, no Restaurante Universitário do centro.

    Por enquanto o único avanço nas conversas entre o governo e os grevistas foi a garantia da manutenção do plano de saúde para os servidores em 2008. Segundo Paulo Dimas, a partir do mês de novembro, os servidores vão receber um vale saúde de R$ 42.

    *Guilherme Oliveira é estudante de Comunicação Social da UFJF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.