Quarta-feira, 8 de dezembro de 2010, atualizada às 17h56

Abandono de animais domésticos cresce 30% no período de férias

Da Redação
Foto de cão no canil

O abandono de animais domésticos nas ruas tende a crescer 30% nos meses de dezembro e janeiro. Esta é a estimativa do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (Demlurb), que identifica o aumento da prática no período de férias. As razões para o abandono dos animais seriam as viagens familiares prolongadas, que deixariam as pessoas sem possibilidade de manter os bichos sob cuidados de conhecidos.

Sabendo do aumento de animais nas ruas, o Demlurb intensifica a apreensão de cães na cidade nos meses de dezembro e janeiro. A captura tem o objetivo de evitar o aumento de risco de ataques e de transmissão de zoonoses, a exposição desses animais a maus-tratos e o envolvimento deles em acidentes de trânsito. Os bichinhos apreendidos são levados para o Canil Municipal, em Nova Benfica, e ficam à disposição para serem retirados pelos seus donos. Os animais que não são resgatados pelos seus donos ficam disponíveis para a doação. Pedidos de apreensão de animais podem ser feitos pelo telefone 3690-3591.

Dicas para evitar a fuga de animais
  • Antes de viajar, verifique se o local onde o cão vai ficar está livre de fuga, observando frestas nos muros, em cercas vivas ou muros muito baixos que possibilitem que o animal escale e pule;
  • Deixe uma pessoa responsável para ver o cão, pelo menos, duas vezes por dia, se possível alguém que o cão esteja acostumado. Passear com o animal também diminui o estresse. Lembre à pessoa que ficou responsável pelo animal de sempre verificar se os portões e portas estão bem fechados;
  • Na época de fogos de artifício, verifique a altura dos muros, pois o medo dos foguetes pode levar o cão a escalar alturas bem consideráveis;
  • Quando houver dúvida sobre a segurança do local onde o cão irá ficar, procure uma hospedagem de referência para deixar o animal durante a viagem;
  • O Canil Municipal não recolhe animais que tenham proprietário, portanto, quando, por qualquer motivo, a pessoa se achar na impossibilidade de continuar com o cão, deve lembrar que abandono é crime previsto na Lei 24.645/09, passível de multas e prisão. Nesse caso ela deve, primeiramente, encontrar um novo dono para o animal que irá se responsabilizar por ele. Motivos como mudança de residência, de cidade, problemas de saúde ou qualquer outro não justificam o abandono de animais;
  • Mantenham seus animais dentro de casa, pois, além de garantir a segurança dos animais, evita que os mesmos ataquem e coloquem em risco a população.

Fonte: Demlurb

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.