SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - O presidente Lula (PT) afirmou nesta segunda-feira (23) que o BNDES (Bando Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) vai voltar a ajudar a financiar projetos e a outros países vizinhos.

A fala do petista ocorreu durante encontro com o presidente argentino, Alberto Fernández.

O QUE DISSE LULA

- Que o BNDES vai voltar a financiar as relações comerciais do Brasil;

- O objetivo, segundo ele, é também ajudar empresas brasileiras no exterior e a outros países vizinhos

- Em dezembro, antes do fim do governo Bolsonaro. Autoridades argentinas chegaram a anunciar que o BNDES financiaria até US$ 689 milhões (cerca de R$ 3,5 bilhões, em cotação atual) para o projeto.

- Na ocasião, o banco, à época ainda no governo de Jair Bolsonaro (PL), emitiu uma nota negando a operação.