SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Robert Lewandowski teve nesta terça-feira (22) a grande chance de marcar o seu primeiro gol em Copa do Mundo, mas desperdiçou pênalti no empate por 0 a 0 entre Polônia e México. O centroavante segue em uma lista incômoda dentre os principais atletas da história do futebol: Lewa é um de apenas cinco jogadores a ser eleito o Melhor do Mundo pela Fifa a não balançar as redes no principal torneio do planeta.

O atleta do Barcelona tem quatro partidas em Copas do Mundo, uma disputada nesta terça e três em 2018. Lewandowski passou em branco em todas as ocasiões. Ao todo, o centroavante finalizou 11 vezes nesses jogos, 4 delas no alvo.

Entre os 16 jogadores que ganharam a premiação da Fifa de Melhor do Mundo em suas diferentes variações, apenas cinco deles jamais balançaram as redes em Copas. Marco Van Basten, George Weah, Luís Figo e Fabio Cannavaro são os outros nomes da lista.

Eleito Melhor do Mundo em 1995, George Weah é o único que nunca teve a chance de jogar uma partida de Mundial. O maior jogador da história da Libéria e atual presidente do país jamais conseguiu levar sua seleção a uma Copa.

Os outros três tiveram pelo menos o mesmo número de chances de Lewandowski para marcar gols. Marco Van Basten, principal jogador do planeta em 1992, só jogou a Copa do Mundo de 1990. O holandês disputou quatro partidas e não conseguiu converter nenhuma de suas seis finalizações no torneio.

Luís Figo venceu o prêmio de Melhor do Mundo em 2001 e disputou sua primeira Copa no ano seguinte. O português não marcou nem no Mundial da Coreia do Sul e Japão nem na edição da Alemanha, em 2006. O meia finalizou 15 vezes em 10 partidas.

Único zagueiro detentor do prêmio de Melhor do Mundo, Fabio Cannavaro passou em branco nos quatro Mundiais que participou, até mesmo na campanha de 2006 que lhe rendeu o título individual. O defensor finalizou 6 vezes em 18 partidas.

Lewandowski terá pelo menos mais duas chances para quebrar a escrita em Copas do Mundo. A Polônia volta a campo no dia 26, contra a Arábia Saudita, e encerra sua participação na fase de grupos contra a Argentina, no dia 30.