SÃO PAULO, SP (UOL - FOLHAPRESS) - Ter confiança é importante para um jogador de futebol. Mas a autoestima de Mohammed Kudus, meia-atacante da seleção de Gana, está lá em cima.

O jogador do Ajax, de 22 anos, afirmou ao "The Guardian", da Inglaterra, que é melhor do que Neymar, camisa 10 da seleção brasileira e um dos melhores jogadores da Copa do Mundo 2022.

"Hoje, não é melhor do que eu. Ele [Neymar] é apenas um jogador mais famoso, só isso", disse Mohammed Kudus.

Curiosamente, Kudus se envolveu em provocações com Neymar no último amistoso entre Brasil e Gana. Em setembro deste ano, a seleção comandada por Tite venceu os rivais por 3 a 0.

Na ocasião, os jogadores se provocaram e trocaram chegadas mais fortes. Kudus falou sobre o clima quente com o principal jogador brasileiro no confronto, que foi realizado na França.

"Ele estava defendendo seu país e eu estava defendendo o meu. Eu não ia deixá-lo me empurrar. O que o torna melhor, por enquanto, é que ele conquistou muito", afirmou.

Número 20 de Gana, Kudus é um dos principais jogadores do Ajax, que recusou uma proposta de 15 milhões de libras (cerca de R$ 97 milhões, na cotação atual) do Everton pelo jogador.

Ao "The Guardian", o garoto de Gana também projetou um possível encontro com o astro do Paris Saint-Germain na Copa.

Respectivamente nos grupos G e H do torneio no Qatar, Brasil e Gana podem se cruzar nas oitavas de final, a depender da posição de cada seleção ao final da primeira fase. "Podemos nos encontrar novamente, certo?", perguntou o jogador ao repórter. "Eu e Neymar, parte dois. Tenho certeza de que ele iria gostar."