SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Faltou pouco, mas o primeiro gol de Canadá na história da Copa do Mundo não saiu nesta quarta-feira (23), quando os norte-americanos foram derrotados por 1 a 0 para a Bélgica, no estádio Ahmed bin Ali, pela primeira rodada da fase de grupos do Mundial no Qatar.

Não foi por falta de tentativa. Muito pelo contrário. Para efeito de comparação, o Canadá teve mais finalizações diante dos belgas do que a Espanha, que nesta quarta goleou a Costa Rica por 7 a 0.

De acordo com estatísticas divulgadas pela Fifa, os canadenses tiveram um total de 21 chutes, contra 17 da Espanha. A pontaria, porém, não esteve a favor dos norte-americanos.

Das 21 finalizações, apenas três foram no gol, 11 para fora e outras sete bloqueadas. Das 17 dos espanhóis, sete foram no gol, oito para fora e apenas duas bloqueadas.

Essa é a segunda participação de Canadá em Copas do Mundo. A primeira foi em 1986, realizada no México, quando foi eliminado na fase de grupos perdendo todos os jogos e sem marcar um gol sequer (1 a 0 para a França, 2 a 0 para a Hungria e 2 a 0 para a União Soviética).