SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Estados Unidos e Inglaterra se enfrentam nesta sexta-feira (25), às 16h (de Brasília), pela segunda rodada da Copa do Mundo do Qatar. A seleção norte-americana pode se complicar no torneio em caso de derrota para a equipe britânica. Mas Tyler Adams, capitão da equipe, afirmou não estar intimidado com o adversário.

"A Inglaterra continua sendo um grande time. Sobre o fator de intimidação, eu diria que não há muitas coisas que me intimidam além de aranhas, então está tudo bem para mim", brincou Adams em entrevista coletiva.

"Obviamente é uma grande oportunidade poder enfrentar esses grandes jogadores, já fiz isso. Mas nós também queremos mostrar do que somos capazes, e que o futebol dos Estados Unidos está crescendo e se desenvolvendo da maneira correta", declarou o capitão da seleção norte-americana.

Os Estados Unidos estrearam no torneio empatando por 1 a 1 com o País de Gales. Já a Inglaterra mostrou seu melhor futebol e goleou o Irã por 6 a 2, assumindo a liderança do Grupo B.

A seleção norte-americana deve contar nesta sexta-feira com Weston McKennie e Yunus Musah, que preocupavam após deixarem a última partida com problemas físicos. Sem desfalques confirmados, o técnico Gregg Berhalter pode começar a partida com: Turner; Dest, Zimmerman, Ream e Robinson; McKennie, Adams e Musah; Weah, Sargent, Pulisic.

A Inglaterra, por sua vez, pode contar com novidades para manter o bom momento: o lateral-direito Kyle Walker, fora da estreia por problemas físicos, participou das atividades em equipe e deve estar à disposição. Já o astro Harry Kane, que causava preocupações após ter deixado a última partida com dores no tornozelo, participou dos treinos desta quinta-feira (24) e está confirmado para a partida.

Por outro lado, James Maddison continua em recuperação.

O técnico Gareth Southgate deve escalar a seleção inglesa com: Pickford; Trippier (Kyle Walker), Stones, Maguire e Shaw; Rice e Bellingham; Saka, Mount e Sterling; Harry Kane.

Estádio: Al Bayt, em Al Khor (Qatar)

Horário: Às 16h (de Brasília) desta sexta-feira (25)

Árbitro: Jesús Valenzuela

Transmissão: Globo, SporTV, Globoplay, Fifa+ e YouTube (CazéTV)