SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A Copa São Paulo de Futebol Júnior é um celeiro de craques. Vários dos principais jogadores atuaram na competição de base antes do destaque como profissional. Outros, porém, brilharam no torneio e ficaram pelo caminho. É o caso de Lucas Otávio, revelado pelo Santos e eleito o melhor jogador da Copinha em 2014.

O QUE ACONTECEU?

Lucas Otávio, conhecido como "Batatinha", teve várias chances, mas não conseguiu se firmar como profissional do Santos.

O meia foi emprestado para Paraná, Avaí e Ituano e também não vingou. O Santos sempre achava que ele daria o salto, mas boas atuações eram raras.

A estatura atrapalhou Lucas. Com 1,64 m de altura, ele jogava normalmente como volante e tinha dificuldades físicas.

ONDE FOI PARAR?

Lucas Otávio decidiu se aposentar aos 26 anos depois de passagem frustrada pelo PSTC, do Paraná.

Lucas presta serviço para a empresa Forward Team, de agenciamento de atletas.

Hoje, aos 28 anos, o ex-atletas empreendeu e tem dois restaurantes em Cornélio Procópio, no Paraná.