Juiz de Fora 150 anos em um minuto:
Os fatos e personalidades que constru?ram a hist?ria da cidade.
Novas cr?nicas todos os dias, de segunda a sexta.
Uma iniciativa da R?dio FM Itatiaia e do JFService

27/06/2000

Ou?a a cr?nica
Educand?rio Santa Rita de C?ssia
Fundado em 1938 pelas professoras Isolda Reich e Maria Corn?lia Alvim de Faria, o educand?rio Santa Rita de C?ssia foi at? o ano de 1975 um dos mais tradicionais e importantes estabelecimentos de ensino nestes 150 anos de Juiz de Fora. Sua primeira sede foi na Avenida Rio Branco, num casar?o situado entre a Rua Esp?rito Santo e Rua Oscar Vidal. Mais tarde, transferiu-se para uma sede pr?pria numa casa onde atualmente funciona a Cultura Inglesa, na Avenida dos Andradas. Era um col?gio de disciplina r?gida, de alto padr?o e com um professorado de alto n?vel. A diretora Dona Isolda, de vasta cultura falava correntamente 8 l?nguas, era muito religiosa e frequentemente recebia no col?gio visitas de intelectuais, pol?ticos e religiosos importantes na cidade e regi?o. O Santa Rita de C?ssia, era um col?gio misto, e fam?lias tradicionais da cidade, como os Assis, Mascarenhas, Fagundes, Villela, Mansur, o escolhiam para a educa??o de seus filhos, no regime de externato ou semi-internato at? a conclus?o do prim?rio e admiss?o. O ex-prefeito Mello Reis foi um de seus mais competentes alunos e sempre destaca a educa??o que recebeu no Santa Rita.

Ou?a a cr?nica
Cervejarias Germania e Jos? Weiss
Foram v?rias as contribui?es dos alem?es para o munic?pio de Juiz de Fora. Mas um deles teve sabor especial. Especialista quando o assunto ? cerveja, foi um alem?o, Augusto Kremer, quem fundou, em 1867, a primeira cervejaria do munic?pio: a Germania. A f?brica prosperou at? 1878, quando o fundador morreu e um outro s?cio, Jo?o Jos? Stehling, levantou a empresa. Por causa da Primeira Guerra Mundial, o nome da f?brica teve que ser mudado para Cervejaria Americana em 1914. Outra f?brica, a Cervejaria Jos? Weiss, seria sucesso na cidade na d?cada de 20, tornando-se ponto de encontro de imigrantes alem?es e seus descendentes. Grandes eventos foram realizados no grande p?tio da cervejaria. Entre eles, uma homenagem ao governador de Minas, Ant?nio Carlos Andrada. Em volta da cervejaria, foram constru?dos um grande sal?o de festas para bailes e parque de divers?o, com roda gigante e pista para boliche. Mais tarde ainda foi constru?do no terreno da f?brica o Hip?dromo Juiz de Fora, transformado em vel?dromo do Cicle Club Juiz de Fora, e o estande de tiro do Rev?lver Club.

Ou?a a cr?nica
Juracy de Azevedo Neves
Um dos nomes de maior destaque no setor de comunica??o em Juiz de Fora ? o do empres?rio Juracy de Azevedo Neves. M?dico, formado na primeira turma da Universidade Federal de Juiz de Fora, em 1958, Juracy Neves sempre atuou em v?rios setores e deu exemplo de compet?ncia em administra??o. Ainda nos anos 50, fundou, junto com alguns s?cios, um dos primeiros cursos pr?-universit?rios da cidade, o Barros Terra. Em 1980, entrou para o ramo da comunica??o ao adquirir o controle acion?rio da R?dio Sociedade de Juiz de Fora, a Super B-3, que mais tarde transformou-se na Solar AM, 1010. Um vision?rio, Juracy Neves ampliou seus neg?cios j? no ano seguinte, quando fundou a Tribuna de Minas. Hoje, este ? o maior jornal da cidade. Em 1988, o Sistema Solar de Comunica??o ganha mais um expoente: a R?dio Solar FM. Hoje, tamb?m est? sob a coordena??o da fam?lia Neves a Esdeva Empresa Gr?fica. Durante v?rios anos, Juracy Neves investiu, ainda, na constru??o civil, sendo um dos maiores construtores do munic?pio. O empres?rio tamb?m investiu no movimento cultural da cidade, construindo o Teatro Solar, palco de shows, pe?as teatrais e v?rios eventos importantes. Um dos maiores exemplos de administra??o de Juracy Neves foi ? frente da Santa Casa de Miseric?rdia, como provedor. Ele conseguiu acabar com a crise da filantr?pica, administrando com efici?ncia e criando o Plasc, Plano de Apoio da Santa Casa.

Cr?ditos:
Texto e ?udio - Equipe de Jornalismo R?dio FM Itatiaia JF
Edi??o Internet e recursos digitais - Equipe JFService / ArtNet