• Assinantes
  • Autenticação
  • Só Sabor

    Edição 05/03/99

    Frutos do Mar



    São várias as pessoas apaixonadas pelos pratos de frutos do mar. São inúmeras, também, as que preferem saborear essas delícias em restaurantes. E as justificavas, quase sempre, são o desconhecimento para escolher bons produtos e limpá-los em casa. Não se trata de nenhum bicho de sete cabeças. Também não posso afirmar ser a coisa mais fácil do mundo. Então vamos a algumas dicas:



    CAMARÕES
    (como comprar e preparar)

    Na hora da compra, observe alguns detalhes fundamentais. os camarões devem ser firmes e com a carapaça presa ao corpo. Sinta também o odor. Deve ser característico do produto, sem ser forte demais.

    Para limpá-los, deve-se retirar a cabeça, a casca e o rabo. As tripas também devem ser arrancadas. Para isso, basta um corte pequeno no dorso do camarão e puxar a tripinha com um palito de dentes.


    LULAS
    (como comprar e preparar)

    Nas compras, prefira as mais claras. Significam produto mais fresco. Quanto mais vermelhas as lulas, mais velhas são, o que não quer dizer que estejam estragadas.

    Para a limpeza, retire as vísceras na parte maior do molusco. Cuidado com uma cartilagem presa ao corpo da lula. Ela também dever sair. A membrana que envolve a parte externa da lula precisa ser retirada para não escurecer a carne na hora do cozimento. A retirada é fácil, mas alguns truques facilitam ainda mais o serviço. Um deles é mergulhar o molusco por 10 minutos em água com limão ou vinagre. Depois é só puxar com uma faca. Retire também o olho e lave bem os tentáculos. Depois é só cortar a seu gosto e prepará-la. O ideal é o corte em rodelas.


    POLVO
    (como comprar e preparar)

    A exemplo da lula, prefira os mais claros. São mais novos. Somente os polvos do pacífico, especialmente da costa chilena, são naturalmente mais escuros. Sua limpeza é muito parecida com a da lula. Retire as vísceras, o olho e lave muito bem os tentáculos. Pode-se bater com os tentáculos na pia para soltar a areia acumulada, ou usar sal de cozinha esfregando bem. O movimento é muito parecido com a lavagem de roupa. Depois enxague bem o polvo em água corrente para retirar o excesso de sal. Outra dica diz respeito ao cozimento. O ideal é cozinhá-lo por 8 a 10 minutos. Se cozinhar demais, o polvo endurece. Para saber o ponto ideal, espete os tentáculos com um garfo ou palito de churrasco.

    *Osmar Chor é diretor de jornalismo
    da TV Alto Litoral, da Rede Globo em Cabo Frio
    e autor do livro “DE HOMEM PRA HOMEM
    – Guia de Sobrevivência Para Solteiros
    e Descasados na Cozinha”.
    Dicas e sugestões para
    – e-mail
    chor@artnet.com.br



    Em caráter excepcional, as edições desta coluna passam a ser quinzenais, em duas sextas-feiras de cada mês. A diminuição provisória da periodicidade se deve à promoção de nosso colunista Osmar Chor para a direção do jornalismo da TV Alto Litoral, da Rede Globo em Cabo Frio.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.