• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura
    Quarta-feira, 16 de junho de 2010, atualizada às 17h10

    JF recebe exposição que homenageia a participação dos mineiros no jornal O Pasquim

    Aline Furtado
    Repórter

    A partir desta sexta-feira, dia 18 de junho, os juizforanos poderão conferir uma exposição com 21 ilustrações, charges e textos mais representativos da participação mineira no principal veículo da imprensa alternativa do Brasil, o jornal O Pasquim.

    A mostra Mineiros do Pasquim - 40 anos de humor é uma retrospectiva das melhores contribuições dos mineiros Ziraldo, Zélio, Henfil, Caulos, Nani e Guz ao veículo de comunicação.

    "Além de homenagear estes mineiros, a exposição lembra os quarenta anos de criação do Pasquim, comemorados em 2009. A publicação contribuiu de forma muito intensa para a formação histórica, política e cultural do país", destaca a produtora da mostra, Flávia Moretti.

    De acordo com Flávia, a expectativa quanto à visitação é grande. "Como se trata de uma exposição lúdica, com muitas imagens, é indicada para pessoas de todas as idades", afirma. Além das peças expostas, a mostra contará com exemplares originais do jornal, a fim de que os visitantes possam folheá-los. "Para quem já conhece, poderá matar a saudade. Para quem não conhece, será a oportunidade de conhecer."

    Pasquim Pasquim

    O semanário O Pasquim, editado de 1969 a 1991, foi se tornando mais politizado à medida que a repressão desencadeada em função da ditadura militar ia aumentado. O jornal, que trazia abordagens políticas de forma irreverente e despretensiosa, teve tiragem inicial de 20 mil exemplares e chegou a atingir mais de 200 mil durante o auge, em meados dos anos 1970.

    Além dos mineiros, nomes como Sérgio Cabral, Tarso de Castro, Millôr Fernandes, Jaguar, Sérgio Augusto, Fortuna, Claudius, Miguel Paiva, Paulo Francis, Luiz Carlos Maciel, Martha Alencar e Ivan Lessa contribuíram para as edições do veículo por meio de sátiras à opressão da época.

    As charges, ilustrações e os textos que fazem parte da mostra Mineiros do Pasquim – 40 anos de humor foram selecionados pelo jornalista e poeta mineiro, Ronaldo Werneck, um dos colaboradores do jornal na década de 70. As visitas são gratuitas e podem ser feitas até o dia 28 de julho, nos horários das 10h às 18h, de segunda a sexta-feira e, aos sábados, das 10h às 14h. O Espaço Cultural Correios fica na rua Marechal Deodoro, 470, Centro. Visitas guiadas podem ser agendadas pelo telefone (32) 3690-5715.

     

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.