Eleitores est?o indecisos quanto ao voto para vereador Candidatos disputam os votos dos eleitores indecisos. Grande n?mero de pessoas dificulta a escolha do eleitor que acaba decidindo na ?ltima hora



Daniele Gruppi
Rep?rter
30/09/2008

Faltando seis dias para as elei?es, acirram-se as disputas. Para conquistar o voto do eleitor, candidatos intensificam suas campanhas, e nessa corrida eleitoral vale utilizar diversos artif?cios, como colocar bandeiras nas ruas da cidade, cartaz em muros e fachadas, apostar em carro de som e no corpo-a-corpo.

Em Juiz de Fora, h? eleitores que ainda n?o sabem em quem votar para vereador e v?o decidir em cima da hora de digitar os n?meros na urna eletr?nica. Segundo o professor de ci?ncias pol?ticas e sociologia, Raul Magalh?es, a dificuldade existe pelo grande n?mero de candidatos que n?o possuem visibilidade social. "O eleitor n?o conhece o trabalho de muitas pessoas que est?o se lan?ando na pol?tica".

Os 391 candidatos que disputam o voto dos juizforanos almejam ser um dos 19 que v?o exercer um cargo no Executivo. "Um pol?tico pode desfrutar de algumas vantagens, como a boa remunera??o e status, al?m de ser uma forma de poder realizar seus projetos sociais", afirma Magalh?es.

Para o professor, ? importante que o eleitor se preocupe em conhecer a hist?ria do candidato e em verificar se as suas realiza?es o habilita para ser um representante da popula??o. Entretanto, poucos s?o os eleitores que fazem essa an?lise e poucos s?o aqueles que quatro anos depois se lembra em quem votou.

O cientista pol?tico Paulo Roberto Figueira Leal recomenda n?o votar naqueles que fazem promessas irrealiz?veis por um vereador. "Para conseguir cumprir a promessa, os candidatos podem ficar ref?ns da simpatia do Executivo e negligenciar o papel de fiscaliz?-lo".

Leal afirma que o sistema pol?tico brasileiro n?o conseguiu consolidar a longo prazo uma identifica??o partid?ria, como em outros pa?ses. "Em muitos lugares, h? a ades?o partid?ria dos eleitores, que n?o ficam ? reboque de constru?es personalizadas. Um conjunto de id?ias ? melhor do que uma s? pessoa. Os partidos pol?ticos deveriam ter mais significados para a popula??o".

Perfil dos candidatos

Foto da C?mara Municipal Na cidade, 147 candidatos a vereador possuem ensino superior completo; 125, ensino m?dio completo; 46, ensino fundamental completo; e 30, ensino fundamental incompleto.

Para Leal, a quest?o do grau de instru??o como requisito ? question?vel. Ele acredita que o eleitor deva considerar o fato do candidato ter ou n?o compromisso s?rio com a sociedade e se ele vai se cercar de uma assessoria t?cnica para ajud?-lo a tratar de quest?es espec?ficas.

Em rela??o ? profiss?o, a maior parte dos candidatos s?o comerciantes - s?o 50 disputando uma cadeira no Legislativo. Depois v?m os advogados e policiais militares, com 21 e 14, respectivamente. H? ainda dona de casa, professor do ensino m?dio, servidor p?blico municipal, empres?rio, aposentado, m?sico, esteticista, estudante, jornalista, dentre outras. O portal ACESSA.com contabilizou candidatos de 95 profiss?es diferentes.

Tentando a reelei??o, considerando os eleitos em 2000 ou 2004, s?o 23. Um dado em rela??o ? idade dos candidatos chama a aten??o: a maior parte deles nasceu entre as d?cadas de 1950 e 1970, sendo que a gera??o, entre 1960 e 1969, ? a que mais lan?a candidatos, s?o 145. Dos 391, apenas 91 s?o mulheres.

Palavra dos eleitores

Foto da urna, uma pessoa digitando o voto A eleitora Angela dos Santos Silveira diz que acompanha pelo r?dio as propostas dos candidatos. Mesmo assim, ela ainda n?o conseguiu escolher ainda um representante. A vendedora Alessandra Nascimento tamb?m n?o se decidiu e diz que a dificuldade se deve ao grande n?mero de candidatos.

Para o aposentado Marcos Cardoso de Paula, a escolha est? complicada, mas diz que j? cogita um nome. "T?m candidatos que pretendem apenas se beneficiar, por isso, est? com este ?ndice de corrup??o t?o alto". A aposentada Nilda Barbosa de Almeida revela que, por morar a pouco tempo na cidade, vai procurar refer?ncia dos candidatos com os amigos.

O artes?o Otoni Toledo revela que vai votar em um candidato que esteja envolvido com a arte. A aut?noma Priana Alves da Silva diz que est? em d?vida entre dois candidatos que moram no mesmo bairro que ela. "Um ? conhecido da fam?lia e o outro j? foi presidente da Associa??o do Bairro e ajudou muita gente".

J? a contadora Beatriz Americano e a cabeleireira Angela Cristina de Souza Silva contam que v?o votar em candidatos que estiveram no cargo de vereador. "Acredito que ele tenha exercido bem a sua fun??o e, por isso, vale estar novamente no cargo", declara Beatriz.

A psic?loga Ana L?cia Werneck diz que j? escolheu o seu vereador. "Eu o conhe?o e acompanho sua trajet?ria". Assim como Ana L?cia, tamb?m vai confiar em um conhecido, o supervisor de compras Paulo Jos?. "? uma pessoa ?ntegra e que tem o perfil de quem pode contribuir para o desenvolvimento da cidade".