Segunda-feira, dia 26 de janeiro de 2009, atualizada às 15h49

Não há previsão de quando as carteiras de trabalho voltarão a ser emitidas em JF

Priscila Magalhães
Repórter
Madalena Fernandes
Revisão

Desde o dia 19 de janeiro, a Gerência Regional do Trabalho e Emprego não está emitindo carteiras de trabalho. Segundo a gerente regional, Nila Magalhães, não há previsão para que a emissão seja normalizada. "Todos os dias procuramos saber, em Brasília, quando o serviço será normalizado e eles não têm uma data."

Dos três computadores usados para cadastrar os trabalhadores, dois não estão funcionando. Segundo Nila, técnicos de Belo Horizonte estão sendo aguardados para a manutenção. Além deste, outros dois problemas também impedem a emissão do documento. A lentidão da conexão de rede é um deles e acaba gerando outro: o comprometimento do acesso ao banco de dados nacional do Ministério do Trabalho e Emprego. "A velocidade da conexão de rede não é suficiente para o número de computadores existentes e isso provoca lentidão", diz Nila.

Diariamente, trabalhadores de Juiz de Fora comparecem ao local para adquirir o documento. O atendimento está ocorrendo, mas o preenchimento do protocolo é feito manualmente. As carteiras de trabalho só serão confeccionadas quando houver manutenção nos computadores e melhoria na conexão.

No final do ano passado, a confecção das carteiras ficou suspensa durante um mês em Juiz de Fora para uma atualização do sistema na Gerência. Há pouco mais de um mês, o serviço foi normalizado e passava por testes. Diariamente, uma centena de senhas são distribuídas para a confecção do documento.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.