• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios

    Loja de departamentos Havan é inaugurada em Juiz de Fora

    Empresa investiu R$ 35 milhões na cidade e trouxe 200 empregos diretos

    Lucas Soares
    Repórter
    2/05/2015

    Foi inaugurada em Juiz de Fora, na manhã deste sábado, 2 de maio, a 89ª loja da rede de departamentos Havan no Brasil. Na cidade, o grupo afirmou ter investido cerca de R$ 35 milhões no empreendimento e gerado 200 empregos diretos.

    De acordo com o diretor-presidente da Havan, Luciano Hang, o fato de Juiz de Fora ser considerada uma cidade pólo-regional um ponto levado em consideração ao escolher onde seria construída uma nova loja. "Tem uma concentração grande de pessoas na cidade e ao redor dela. Nós estamos impressionados com o volume de gente e a qualidade de vida. As pessoas aqui são muito simpáticas e a cidade é encantadora e acolhedora. Nós vamos agregar muita gente. Não tenho dúvida que vamos fazer muito sucesso", explica.

    Com 16 mil m² de área e mais de 100 mil produtos disponíveis para venda, a Havan conta com produtos de cama, mesa, banho, brinquedos, decoração, utilidades domésticas e eletrônicos. "Nós comentamos que é a loja mais completa do Brasil. Nosso diferencial é na qualidade do produto, no preço, já que produzimos muito do que vendemos. A Havan vem para somar e não para dividir. São 200 pessoas empregadas na cidade, com renda e impostos pagos", garante Hang.

    Autoridades políticas, como o prefeito Bruno Siqueira (PMDB), vereadores e secretários, marcaram presença na inauguração. Segundo Bruno, a loja vai auxiliar no desafogo no trânsito. "Melhora a mobilidade urbana, já que os moradores da Zona Norte e Leste não vão precisar atravessar a cidade para fazer suas compras. A Prefeitura recebeu a proposta da Havan há seis meses e agilizou o processo para entregar essa grande loja. Não foi solicitado a isenção fiscal, e sim, a aprovação rápida dos projetos", diz.

     

    Primeiros clientes

    Os primeiros clientes da Havan em Juiz de Fora acordaram cedo e fizeram fila na porta da loja. O pedreiro Aroldo de Paula levou o sobrinho para conhecer e já saiu com uma meia. "Nós viemos ver o que tem na loja de bom para gente, que é da Zona Norte. Deu pra ver que tem muita coisa, não precisa ir mais no Centro pra fazer uma compra deste tipo", fala.

    Já o aposentado Luiz Carlos Prestes, morador da Zona Leste, acordou cedo e foi à Havan às 8h, mas encontrou as portas fechadas, já que a inauguração era só às 10h. "Eu achei que tinha muita novidade, e tem mesmo. Eu comprei dois edredons e uma toalha de rosto, gastei R$ 60. Achei muito boa, preços bons e apesar do Centro ser mais perto pra mim, pretendo vir aqui", conta.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.