SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) - Um jovem de 29 anos morreu após ser atropelado por uma van na Avenida Vieira Souto, no bairro de Ipanema, no Rio de Janeiro, na noite do último sábado (21). Segundo o site Belos FM, Maurício Luiz Munarini foi atropelado enquanto andava de skate.

Ao UOL, o Corpo de Bombeiros informou que houve um chamado para atendimento da ocorrência às 21h48 de sábado e o solicitante informou que o atropelamento ocorreu por uma van, próximo ao posto 8. Maurício morreu ainda no local do acidente, segundo a corporação.

A Polícia Civil comunicou à reportagem que a morte foi registrada como homicídio culposo (quando não há intenção de matar) provocada por um veículo.

"Informações preliminares indicam que o motorista parou para prestar socorro, não estava em velocidade alta e foi submetido a exame de alcoolemia, que teve resultado negativo. A perícia foi realizada no local", informou a polícia ao UOL.

De acordo com a polícia, outras diligências estão em andamento para ouvir testemunhas e coletar imagens de câmeras de segurança da região, a fim de esclarecer todos os fatos.

Nas redes sociais, parentes de Maurício lamentaram a morte do rapaz, que era da cidade de Paial, no oeste de Santa Catarina. O jovem é filho de Ermes Munarini, ex-vereador do município, e Idete Munarini, atual secretária de educação da cidade.

"Meu querido sobrinho e afilhado Maurício, hoje estou aqui, escrevendo para você, com muita tristeza no coração pela sua partida. Não estávamos esperando essa notícia, não estávamos preparados para essa situação, logo com você, que foi tão guerreiro, lutou tanto, e agora ir assim, dessa forma em um momento tão feliz da sua vida", escreveu Elizete Puhl.

O velório do jovem estava previsto para ocorrer na tarde hoje, na Igreja Católica de Paial, e o sepultamento está previsto para amanhã pela manhã no cemitério municipal.