• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde

    Macarrão instantâneo tem alta concentração de sódio

    Em um único pacote de macarrão instantâneo pode haver até 72% do valor diário recomendado pela Anvisa

    Thiago Stephan
    Repórter
    28/4/2012
    Foto de macarrão instantâneo

    Prático e rápido de fazer, ele fica pronto em três minutos e custa menos de R$ 1. Mas, o que muita gente não sabe é que a facilidade para preparar o macarrão instantâneo tem um preço alto. Esses produtos possuem nível de sódio elevado, um risco para a saúde até mesmo de crianças. Por isso, o melhor a fazer é ficar atento às informações nutricionais presentes no rótulo dos produtos e controlar o consumo deste elemento químico.

    De acordo a Resolução 360/2003 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a quantidade máxima de sódio que um adulto deve ingerir diariamente é de 2.400 miligramas. Mas, a reportagem do Portal ACESSA.com realizou, neste sábado, 28 de abril, uma consulta aos dados presentes nas tabelas de valores nutricionais de dez diferentes produtos, e identificou que em um único pacote de macarrão instantâneo pode haver até 72% do valor diário recomendado pela Anvisa.

    Estudo realizado pela Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Pro Teste), em 2009, e pela Anvisa, em 2010, também acusaram concentrações altas do elemento nestes produtos. Apesar dos resultados alarmantes, a presença de sódio em algumas marcas ainda é superior ao ideal.

    A nutricionista Dayse Siqueira Santos considera altos os valores encontrados na pesquisa do ACESSA.com. E comenta os efeitos negativos que o sódio pode ter sobre o organismo. "A pessoa corre o risco de ter um aumento de pressão arterial, inclusive crianças, que consomem muito este tipo de macarrão, além de haver sobrecarga nos rins, que tem um trabalho maior para eliminar o excesso de sódio."

    O sódio se faz presente na alimentação do brasileiro, principalmente, no sal de cozinha, ou cloreto de sódio. A indicação da Organização Mundial de Saúde (OMS) é que cada pessoa consuma, diariamente, cinco gramas de sal. Entretanto, a média no Brasil é de 12 gramas por pessoa, mais que o dobro recomendado.

    Dayse alerta para a necessidade de os consumidores lerem, com atenção, as informações nutricionais presentes nos rótulos dos produtos. "É muito importante ficar atento em relação não só ao sódio, mas em relação a todas as informações presentes na tabela", informa. No quadro citado pela nutricionista também constam informações sobre o valor energético, a quantidade de carboidratos e de gorduras trans, entre outras.

    Quantidade de sódio em macarrões instantâneos

    Nissin Lámen Hot sabor calabresa: 1.724 mg (72% do valor diário de referência)

    Nissin Miojo Turma da Mônica sabor galinha suave: 1.581 mg (66% do valor diário de referência)

    Nissin Lámen Hot sabor mexicano: 1.484 mg (62% do valor diário de referência)

    Lámen Santa Amália sabor galinha caipira: 1.274 mg (53% do valor diário de referência)

    Lámen Santa Amália sabor legumes: 1.274 mg (53% do valor diário de referência)

    Lámen Ninfa sabor galinha: 770 mg (32% do valor diário de referência)

    Lámen Renata Descolados sabor galinha suave: 618 mg (26% do valor diário de referência)

    Lámen Cremoso Renata Express sabor pizza – 486 mg (20% do valor diário de referência)

    Lámen Cremoso Renata Express sabor quatro queijos – 460 mg (19% do valor diário de referência)

    Lámen Ninfa sabor galinha caipira: 448 mg (19% do valor diário de referência)

    Valores fornecidos pelas marcas no quadro de informação nutricional

    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.