Quinta-feira, 8 de setembro de 2011, atualizada às 13h10

Senador Cortes e Piau vão passar por recontagem de eleitores

Victor Machado
*Colaboração
Títulos de eleitor

Senador Cortes e Piau vão passar por uma revisão eleitoral. A recontagem de eleitores foi determinada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE), após o resultado das últimas correções realizadas pela Justiça Eleitoral em 28 municípios mineiros. Foi constatado, em 15 deles, irregularidades na amostra do cadastro de eleitores, que supera os 10% permitido. Com a decisão, todos os eleitores dessas cidades serão convocados para comprovar vínculo com o município.

De acordo com o TRE, a investigação foi feita por amostragem e, após constatadas as irregularidades, a decisão será encaminhada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ainda não existe previsão para o início das revisões, já que o TRE aguarda a definição por parte do TSE de como ela será feita.

A intenção do TRE é fazer a recontagem através de biometria para poder incorporar as digitais ao banco de dados. No entanto, é preciso que o TSE libere máquinas biométricas para a realização da revisão. Apesar da indefinição, a expectativa é de que o processo se inicie ainda este ano.

Será dado um prazo para que o eleitor compareça a um posto que será montado na cidade e comprove o vínculo com o município, por meio de comprovantes de residência. O eleitor que não comparecer dentro da data estabelecida ou não conseguir a comprovação terá o título cancelado e excluído do cadastro eleitoral.

A revisão de eleitores não implicará em alterações nos resultados das últimas eleições. Segundo o TRE, a ação é preventiva e serve para dar mais segurança e credibilidade nos próximos anos.

*Victor Machado é estudante do 8º período de Comunicação Social da Faculdade Estácio de Sá

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.