• Assinantes
  • Autenticação
  • Animais

    Alimentos permitidos e proibidos para cães e gatos

    Isabela Micherif Isabela Micherif 15/06/2019

    Quando falamos em alimentação natural para cães e gatos e a descrevemos como uma dieta caseira, pode parecer que seu pet está apto a comer o mesmo alimento que você come. Isso, em parte, até é verdade, visto que a alimentação natural tem como elementos proteínas e vegetais frescos. No entanto, sempre destacamos aqui a importância de que esta dieta seja devidamente balanceada e suplementada para que atenda as necessidades nutricionais dos pets.

    Além da necessidade de elaborar um cardápio que forneça os nutrientes essenciais aos peludos, precisamos conhecer quais alimentos não podem ser oferecidos, por colocarem a saúde e até a vida dos animais em perigo e aqueles que, apesar de terem má fama, não representam risco à saúde dos nossos pets.

    Vamos começar pela cebola. Esse vegetal tão comum na nossa alimentação pode causar anemia grave nos peludos. Principalmente nos gatos, que são mais sensíveis à intoxicação por cebola. Pelo mesmo motivo, a cebolinha deve ser excluída da alimentação dos pets. Devem ser evitados, inclusive, os alimentos que contenham cebola na composição, como um arroz feito com cebola, por exemplo (o risco não está somente em oferecê-la pura).

    Quanto ao alho, por muito tempo acreditou-se que esse alimento seria tóxico para cães e gatos pelo mesmo motivo da cebola. No que tange aos gatos, ainda não há diretrizes quanto as quantidades que poderiam ser oferecidas com segurança. Portanto, a regra é não oferecer alho aos bichanos. No entanto, quando se trata de cães, já está comprovado que o alho, em pequenas quantidades, é benéfico para a saúde, atuando no aumento da resistência a pulgas, carrapatos e vermes intestinais, além de atuar no combate ao colesterol, controle da glicemia, dentre outros benefícios.

    Chocolate e açaí? Nem pensar! Esses dois alimentos possuem uma substância chama teobromina, que pode causar taquicardia, espasmos musculares, vômitos e diarreia. Dependendo da dose pode ser fatal!

    Uvas e passas também não devem ser oferecidas. A ingestão dessas frutas pode causar sérios danos aos rins, podendo, inclusive, ser letal. A carambola também é um alimento a ser evitado, pois  representa risco a saúde renal.

    Muitos tutores ficam desconfiados com relação ao abacate, já que observamos muitas informações conflitantes com relação a esta fruta. A verdade é que o perigo está somente na casca e nas folhas do abacate, onde existe uma substância chamada persina, que pode ser tóxica para os pets. A polpa da fruta pode ser consumida sem problemas, mas sempre com moderação, tendo em vista que se trata de um alimento rico em gordura. E nunca é demais lembrar: sempre retire o caroço antes de oferecer o abacate aos cães, pois aí o risco é ingeri-lo inteiro (quem tem cão sabe como a maioria é afoita para comer).

    Frutas cítricas também podem ser consumidas por cães, devendo ser evitadas apenas nos casos em que o animal já apresentar alguma alteração gástrica.

    Existem muitos outros alimentos inadequados, apenas citamos os mais comuns. Por isso, como sempre alertamos, não deixe o seu bichinho sem acompanhamento de um médico veterinário. Não faça alterações na dieta do seu pet sem acompanhamento profissional.

    A inclusão de carnes, frutas e vegetais frescos na alimentação dos nossos pets, de forma balanceada, é extremamente vantajosa quando pensamos em saúde e qualidade de vida. Esse é o nosso propósito aqui: levar um pouquinho de conhecimento para os tutores sobre esta dieta, visando trazer mais cães e gatos para a alimentação natural.

    Enviem suas dúvidas, críticas e sugestões para que possamos aprimorar nosso conteúdo.

    Isabela Micherif
    é graduada em Direito, pós-graduada em Direito Público, trabalhou por dez anos na área de Direito Ambiental, sendo cinco na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMAD) e cinco como assessora no Ministério Público de Minas Gerais. Depois desde período, deixou o trabalho no escritório para levar mais saúde e qualidade de vida a cães e gatos, por meio da alimentação natural. É proprietária e pet chef na empresa Cozinha Pet – alimentação natural para cães e gatos.

    Os autores dos artigos assumem inteira responsabilidade pelo conteúdo dos textos de sua autoria. A opinião dos autores não necessariamente expressa a linha editorial e a visão do Portal ACESSA.com

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.