Juliano Nery Juliano Nery 21/10/2011

Programa de quarta

Foto da torcidaTenho um convite importante para a próxima quarta-feira à noite, para quem estiver em Juiz de Fora. Aproveite que as novelas ainda não estão nos últimos capítulos, deixe o sofá e a TV de lado e ganhe o bairro Aeroporto, rumando para o Estádio Municipal Radialista Mário Helênio.

Pedindo licença ao companheiro de colunas na ACESSA.com, Vitor Gualberto, tratarei aqui, por meu turno, de fazer um convite para que todos venham prestigiar a equipe do Tupi na partida de ida, possivelmente, frente ao time do Anapolina de Goiás. Em jogo, a classificação do Galo Carijó para a semifinal da Série D, o equivalente à quarta divisão do futebol brasileiro. Mais do que isso, o jogo pode colocar o alvinegro de Juiz de Fora na Série C do Brasileirão, ou seja, entre as 60 melhores agremiações futebolísticas do país, em 2012.

O programa, ora de quarta, pode se tornar uma bela oportunidade de desenvolvimento para o nosso futebol no próximo ano, quando o Tupi completará o seu centenário. Com um time competitivo, resultante de substancial aporte financeiro a ser realizado, é possível que a equipe de Santa Teresinha possa conseguir um inédito feito e figurar, pensando um pouquinho mais longe, na Série B do Campeonato Brasileiro de 2013. Isso representará estar entre os 40 melhores clubes e com maior visibilidade no cenário nacional, além de ganhos com direitos de transmissão de tevê e apoio da CBF para viagens e hospedagens. Coisa de time grande.

E pensar que a campanha que pode se tornar vitoriosa ganhou cores, a partir do acaso, com a desistência do América de Teófilo Otoni, clube que detinha o direito à vaga na Série D, mas que acabou desistindo, por conta de questões financeiras, que quase nos tiraram também a oportunidade da disputa, vale ressaltar. O futebol, grande paixão de boa parte do povo brasileiro, parece não encontrar eco junto aos investidores locais, tanto na esfera pública, quanto na privada. E mesmo com o pequeno aporte destinado para o torneio, já é possível perceber resultados, como o que está próximo de acontecer, em caso de vitória nos confrontos.

No entanto, o acaso, que ora nos brinda com a oportunidade da vaga, costuma mudar de ares, invariavelmente. E a mesma sorte pode ir para outro lugar. E é aí que a necessidade de investimentos e o planejamento de calendário adequado para 2012 podem fazer a diferença. Com esses itens, é possível colher bons frutos amparados por boas condições de se obter resultados. O Tupi merece isso há quase 100 anos... Podia ganhar isso de presente pela expressiva marca do tempo.

Quanto aos torcedores, reforço o convite para o programa de quarta, que não tem nada de quinta categoria. Em verdade, está com mais cara de terceira. Vista a camisa do clube, compre o ingresso e contagie o estádio. Quem sabe, saímos daqui com uma boa vantagem e facilitamos o trabalho para o dia 30, lá em Goiás, com a plena possibilidade de classificação. Fico na torcida!

Juliano Nery queria estar em Juiz de Fora para torcer pelo Tupi na quarta-feira, dia 26, no Estádio Municipal.

Mais artigos

Juliano Nery é jornalista, professor universitário e escritor. Graduado em Comunicação Social e mestre na linha de pesquisa Sujeitos Sociais, é orgulhoso por ser pai do Gabriel e costuma colocar amor em tudo o que faz.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.