• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Juliano Nery Juliano Nery 12/3/2012

    Boas vindas à mão de obra

    Foto de Juiz de Fora

    Seja bem-vindo a Juiz de Fora, nobre visitante! Mas, antes de se acomodar em nossas instalações aguarde um instante, por favor. Estamos à procura de gente para trabalhar conosco nos hotéis, nos bares, nos restaurantes e nos eventos que pretendemos proporcionar para melhor servi-lo... Se tiverem conhecimento de profissionais na área de turismo, hotelaria, culinária e entretenimento, por favor, repasse-nos o contato! É coisa urgente, já que, além de você, que está aí no nosso hall de entrada, à espera de um bom serviço em nossa cidade, tem muito turista que ainda está pra chegar de mala e cuia para os eventos relacionados à Copa do Mundo, aos Jogos Olímpicos de 2016. Mas, adianto: não pode ser qualquer pessoa!

    Receber turistas é algo para que deveríamos, como brasileiros que somos, estar mais bem preparados, é verdade. No entanto, os atrasos oriundos de décadas passadas, que emperraram e emperram nossa educação, nos fazem correr a passos velozes, para dar conta das contingências, que este tempo de crescimento econômico, nos proporciona em termos de visibilidade mundial. Com tanta beleza natural, roteiros paradisíacos, atrações interessantes e, muitas vezes, exclusivas, já deveríamos estar calejados de saber como se recebe um visitante. Mil desculpas, caro hóspede. Teremos que fazer tudo dentro de uma de nossas maiores peculiaridades, o chamado "jeitinho brasileiro".

    Assim, em menos de dois anos, teremos que contar com profissionais que conheçam os procedimentos do setor turístico e do ramo de hotelaria, que dominem outra língua, que tenham atitude diante de você, que procurou nossas instalações. No caso de Juiz de Fora, a expectativa é que os esforços de nossas escolas de Turismo possam nos fornecer chancela para gerar a mão de obra necessária para atendê-los da melhor maneira possível. E que do outro lado da cadeia, nossa rede de hotéis, bares e restaurantes, ofereçam estímulo e atrativos para que o município possa contar com bons profissionais para engrossar o time já existente, por conta do turismo de negócios, já existente na cidade, quando o evento de 2014 estiver próximo de acontecer.

    Cada vez mais exigente, você, turista, deseja, além do conforto, tratamento condizente com os valores dos serviços dos quais estão contratando, o que não deve ser nada barato, diga-se de passagem. Vale ressaltar que, a velha máxima, aquela de "o cliente tem sempre razão" segue valendo como nunca. Ainda mais quando se desembolsa tanto dinheiro para conhecer o país do futebol.

    A chegada da Copa do Mundo e das Olimpíadas nos próximos anos inaugura um momento importante para a nossa região, com oportunidades e com os desafios característicos dos grandes eventos. A expectativa é que você, hóspede de nossa cidade fique satisfeito com o que encontrar por aqui. Por nosso turno, tentaremos arrumar a casa e dar conta dos preparativos que ainda restam. É possível que tudo dê certo durante as atividades. E a torcida é para que medidas que já deveriam estar solucionadas no setor turístico encontrem saldo positivo para os anos posteriores destas marcantes datas.

    Juliano Nery torce para que a mão de obra do setor hoteleiro chegue antes dos hóspedes.

    Mais artigos

    Juliano Nery é jornalista, professor universitário e escritor. Graduado em Comunicação Social e mestre na linha de pesquisa Sujeitos Sociais, é orgulhoso por ser pai do Gabriel e costuma colocar amor em tudo o que faz.

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.