Segunda, 30 de março de 2007, atualizada às 12h00

CDL de Juiz de Fora alerta para notas falsas no comércio

A Câmara de Dirigentes Logistas de Juiz de Fora (CDL) alerta aos comerciantes para maior utilização do "Olho Vivo", aparelho que que ajuda na identificaçao de notas e outros documentos falsos que circulam pelo mercado. Só este ano, a Polícia Federal recolheu quase R$ 1000 em notas falsas na cidade. Ao todo foram instalados 20 inquéritos, para investigar a origem das cédulas. A suspeita é que a falsificação aconteça no Paraguai.

Mas a hipótese de que falsificadores brasileiros estejam no crime não está descartada. Para combater a prática, o Banco Central realiza uma campanha que incentiva a conservação das notas pela população, além de facilitar o reconhecimneto de cédulas falsas.

Clique aqui para saber como identificar uma nota falsa

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.